DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Rússia nega

O ministro russo da Defesa, Serguei Ivanov, negou nesta terça-feira que Rússia e China tenham a “intenção” de criar um bloco militar, após se reunir com o ministro chinês da Defesa, Cao Gangchuan, que faz uma visita à capital russa, Moscou.

“Não criaremos um bloco militar, mas pretendemos reforçar a cooperação neste terreno, com a realização de manobras militares que ofereçam resultados práticos”, declarou Ivanov à agência de notícias russa Interfax.

Em relação às primeiras manobras militares russo-chinesas Missão de Paz-2005, realizadas de 17 a 25 de agosto últimos, Ivanov afirmou que “não iam contra os interesses de outros países”.

Mais de 10 mil efetivos das Forças Armadas dos dois países participaram dessas manobras, cuja primeira fase se desenvolveu em Vladivostok (Extremo Oriente russo) e depois continuaram no litoral da Província de Shandong (nordeste).

“As relações russo-chinesas se desenvolvem de maneira bem-sucedida nos âmbitos político, militar e econômico, e assumem um caráter estratégico”, acrescentou.

Gangchuan afirmou que as manobras militares e sua visita à Rússia refletem “o alto nível das relações” entre as Forças Armadas dos dois países. “Nossas relações de associação e cooperação estratégicas se ampliam constantemente em diferentes campos”, acrescentou.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
152