DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Palmeiras ameaçado de punição dupla

A expulsão de Baiano e a invasão do gramado do Morumbi durante a derrota para o Corinthians por 3 a 1 no último domingo podem custar ao Palmeiras uma dupla punição no Campeonato Brasileiro. Baiano pode ser suspenso de 120 a 540 dias, e o Palmeiras pode perder o mando de campo de até três partidas.

A situação mais grave é a de Baiano. Flagrado pelas câmeras de TV chutando a bola em cima de Tévez, do Corinthians, o lateral-direito foi citado na súmula do árbitro Wilson Luiz Seneme e pode ser enquadrado no artigo 253 do Código Brasileiro de Justiça Desportiva, que prevê pena de 120 a 540 dias de suspensão ao atleta que praticar agressão física durante uma partida.

– Não tive a intenção de agredir ninguém. Fui provocado pelo Tévez durante toda a partida. Ele me chamou de “cagão” por eu ter saído da Argentina e ter dito aqui o que aconteceu lá. Acabei desabafando tudo o que eu passei lá.

Já a invasão do campo aos 44 minutos do segundo tempo por dois torcedores identificados como palmeirenses também pode dar ao clube uma punição pelo STJD. Mesmo com a direção do clube conseguindo acompanhar a prisão dos invasores, o clube pode ser julgado pelo artigo 213 do Código, que prevê até três jogos de perda de mando de campo.

– Sermos ou não os mandantes da partida não alivia a nossa situação. Vamos preparar nossa defesa e esperar que nada de mais grave ocorra com o Palmeiras – disse o gerente de futebol do Palmeiras, Ilton José da Costa.

O clube já perdeu Juninho por duas partidas. Ele foi suspenso por xingar um auxiliar de “safado” após a derrota do time por 2 a 1 para o Paysandu neste mesmo Campeonato Brasileiro.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
273