DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Órgãos de brasileiro espancado em Winter Park serão doados

jovem-morto-orlando-site

Há menos de um mês a irmã tinha vindo visitá-los e disse que o irmão estava bem e muito carinhoso com ela. “Foi como se ele estivesse se despedindo”, disse. Foto: Reprodução\Facebook

A família do adolescente gaúcho, Roger Thomé Trindade, anunciou na manhã desta terça-feira, 18, que o jovem permanece ligado aos aparelhos pela decisão de doar seus órgãos. “Ele  estava com morte cerebral desde sábado, mas foi dado como morto ontem, e ainda está ligado aos aparelhos pois decidimos doar os órgãos dele”, disse ao GAZETA a irmã, Laura Thomé.

Segundo a família, foi constatada morte cerebral assim que o jovem chegou ao hospital, na noite de sábado, 15, mas estava sendo mantido ligado a aparelhos enquanto eram realizados exames para verificar se havia alguma chance dele sobreviver.

A agressão

O adolescente estava com um amigo por volta de 22h do sábado, 15, quando foi atacado por um grupo de jovens na área do Central Park, Park Avenue, na cidade de Winter Park, próximo a Orlando.

Ao GAZETA, a irmã, Laura Thomé, disse que a família ainda não sabe ao certo, mas o amigo que estava com o adolescente no momento do ocorrido contou que eles estavam sentados no parque quando “uns meninos passaram e borrifaram um spray na cara do meu irmão. Ele então foi atrás dos meninos para perguntar porquê eles tinham feito isso. Nisso, já juntou mais alguns meninos e começaram a agredir meu irmão e o amigo dele. O amigo disse que não viu o que aconteceu, só viu quando ele já estava no chão inconsciente”, revelou.

“Ele era um menino de ouro, jamais faria mal a uma mosca, ele era tão bonzinho, carinhoso, estamos sem chão!”, disse.

Segundo Laura, a família está muito abalada e um tio está vindo para os Estados Unidos para acompanhar a investigação e cuidar dos trâmites legais, inclusive sobre a intervenção do governo brasileiro no caso.

13221527_1031432143617299_1909048778496560867_n

A família decidiu doar os órgãos do adolescente. Foto: Reprodução\Facebook.

Roger estava morando em Orlando com os pais desde janeiro deste ano, após uma transferência de trabalho do pai. A família é de Novo Hamburgo, no Rio Grande do Sul, e somente ela continua morando no Brasil. Laura embarcou no domingo para os Estados Unidos.

A família estava feliz pela mudança para os Estados Unidos também por questão de segurança.

A polícia continua investigando o caso e pede a quem tiver informações sobre o crime para ligar para o Departamento de Polícia de Winter Park em 407-644-1313 ou Crimeline em 1-800-423.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]

Tags: ,,,,,

Gazeta News
Gazeta News
200