DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

O difícil caminho de definir uma meta

Essa semana vou dividir uma experiência que tenho feito ultimamente: o impacto de definir uma meta!

Claro, todos nós possuímos sonhos e projetos engavetados e que, durante muito tempo, olhamos para eles e na verdade pouco se faz para colocá-los em prática.

Uma coisa muito importante é não gastar muita energia nesses projetos que nunca acontecem, pois se isso acontecer, podemos estar criando um círculo vicioso de perda de energia, o que sempre resulta em perda de autoestima, caso eles não comecem e não se realizem.

É como se a gente ficasse sempre olhando e olhando e vamos nos sentindo incapaz de conseguir e, quando nos damos conta, começamos a acreditar realmente que não possuímos a tal capacidade.

Pare com isso, tenha projetos, quantos você quiser, mas entenda que não somos seres de multitarefa, funcionamos focando em um projeto de cada vez, senão não concluímos nada.

Escolha um deles, entenda bem no que ele te ajudará e aonde você quer chegar, quais os benefícios que a conclusão dele nos trará.

Mas, coloque uma data para começar e, principalmente, a data para concluir.

Essa é a diferença entre um sonho e uma meta.

Tendo seu objetivo em mente, comece, desfrute do caminho. Problemas irão aparecer sem dúvida, mas persista. Meça seu avanço e comemore cada passo atingido, até a conclusão. Falo isso, pois as metas são atingidas sim, o resto são distrações.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]

Tags:

Samantha Di Khali
Samantha Di Khali
Psicóloga, radialista e empresária, é gaúcha, mas reside em São Paulo. Mais de 18 anos de experiência em grandes rádios e TV brasileiras. Atualmente é colunista do portal Band.com.br.
276