DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Novos vírus começam a se espalhar pela rede e já causam estragos

Um novo vírus do tipo “verme” atacou nesta terça-feira os sitemas que operam com o Windows 2000 nos meios de informação dos EUA, entre eles, as redes de televisão CNN, ABC e o jornal “The News York Times”. Segundo especialistas do setor, o ataque parece ser obra de um “verme” chamado “rbot.ebq”.

A CNN interrompeu sua programação regular para informar que os computadores que utilizavam o sistema Windows começaram a falhar tanto em Nova York como em Atlanta por volta das 19h (horário local). Segundo a rede de televisão, o vírus fazia com que seus computadores fossem reiniciados insistentemente.

Já a rede ABC disse ter começado a ter dificuldades pouco depois das 13h30m. O NYT, por sua vez, começou a enfrentar problemas de interrupção em seus computadores logo no início do dia.

– Não temos muitos detalhes. Estamos totalmente operacionais e a expectativa é de que as interrupções no sistema não afetem a produção do jornal – disse a porta-voz do grupo, Catherine Mathis.

Na segunda-feira, um outro vírus, apelidado de “Zotob”, que se aproveita de um defeito descoberto recentemente no sistema operacional Windows, da Microsoft, começou a fazer estragos pela rede. Trata-se de um verme que se aproveita de três erros críticos que o gigante da informática divulgou na semana passada, incluindo um que permitiria aos atacantes tomarem o controle completo do computador.

Segundo a Trend Micro, a peculiaridade do Zotob é que pode afetar os computadores que utilizam diferentes versões do Windows (95,98, ME, NE, 2000 e XP) mais rapidamente que os outros vermes. “Centenas de casos de infecção foram localizados nos EUA e Alemanha”, disse a empresa.

A Microsoft, por sua vez, desmentiu a informação, afirmando que o verme afeta apenas os usuários do Windows 2000. “Até o momento, o vírus teve um impacto muito limitado. Não estamos percebendo nenhum alastramento na internet, mas permanecemos vigilantes”, disse, em comunicado, o chefe da divisão de Segurança da empresa, Stephen Toulouse.

Esse vírus lança uma cópia de si mesmo em uma pasta do sistema Windows como BOTZOR.EXE e modifica o sistema anfitrião do computador infectado impedindo que o usuário lance mão da assistência de sites anti-vírus. Segundo a Trend Micro, o vírus também pode se conectar a um dispositivo específico de um servidor de transmissão da internet, o que pode dar aos hackers controle sobre os sistemas afetados, que podem ser usados para infectar outras máquinas de uma determinada rede e enfraquecer sua performance.

Na última terça-feira, a Microsoft distribuiu programas para corrigir as falhas em seu boletim mensal sobre segurança. Os problemas afetam o sistema operacional Windows e o browser Internet Explorer.

A empresa de Bill Gates alertou que um hacker poderia explorar uma vulnerabilidade também no Internet Explorer, atraindo os usuários a páginas malignas da Web, o que poderia disponibilizar um código de software que levaria o hacker a ter o controle total do computador.

Os usuários devem atualizar seus anti-vírus e aplicar os últimos programas da Microsoft para proteger os sistemas de seus computadores, recomenda a Trend Micro.

Mais de 90% dos PCs mundiais usam o sistema operacional Windows e a Microsoft já disse estar trabalhando para melhorar a segurança e a confiabilidade de seu programa.

O último de seus produtos, o Vista, que ainda está em fase experimental e que estará disponível somente no início de 2006, enfrentou seu primeiro vírus já nos primeiros dias de testes.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
153