DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Nostálgicos vendem fumaça de carro em lata na Alemanha

Uma página na internet está vendendo fumaça de um antigo modelo de carro usado na Alemanha Oriental durante a época comunista, o Trabant, enlatada.
O chamado “Trabi Duft”, ou perfume de Trabant, é vendido pela página Osthits, especialista em itens que eram comercializados na Alemanha Oriental, por 3,98 euros (cerca de R$ 12).

O nome da página vem do termo cada vez mais popular na Alemanha, “Ostalgie”, a nostalgia por todas as coisas relacionadas ao regime comunista que governava uma parte do país.

Um exemplo desta moda é o sucesso da comédia alemã Adeus Lenin!, de 2003, que conta a história de um jovem, em 1989, que tenta esconder de sua mãe doente o fim da Alemanha Oriental, comprando todos os produtos do regime comunista.

“O cheiro (da fumaça do Trabant) é algo muito especial e raro atualmente. Nas estradas você ainda pode sentir o cheiro do Trabant, mas há poucos deles rodando hoje em dia”, disse Thorsten Jahn, o dono da página que vende as latas.

Algodão

O Trabant, um carro barato com estrutura de plástico, era famoso por seu escapamento, que exalava muita fumaça.

Jahn afirmou que o “perfume” é produzido com a colocação de um algodão próximo ao escapamento do Trabant e, depois, colocando o algodão impregnado com a fumaça dentro das latas.

Trabant

Na antiga Alemanha Oriental, o Trabant rodava com combustível barato e considerado sujo.

Segundo Jahn, a inalação não oferece perigo à saúde pois o algodão filtra as partículas tóxicas que saem pelo escapamento.

“Não deixa ninguém doente, não é como respirar a fumaça diretamente. Centenas de clientes já pediram o produto, é um verdadeiro sucesso”, disse.

Com o crescimento do fenômeno da “Ostalgie” nos últimos anos, muitos questionam se é válido sentir nostalgia por um regime político que atirava em todos os que tentavam escapar.

Mas Jahn, que mora na cidade de Eisenhuettenstadt, na antiga Alemanha Oriental, afirma que a tendência mostra uma mensagem política importante.

Para ele, ainda existem muitas diferenças entre as duas “Alemanhas”, com desvantagens para a antiga Alemanha Oriental, por isso, segundo Jahn, “as pessoas querem se lembrar dos velhos tempos”.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
196