DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Intolerância à lactose

Share

milk - CopyEstudos mostram que mais de 50% da população possui algum nível de intolerância alimentar. A intolerância à lactose é a incapacidade do organismo digerir lactose (açúcar presente no leite). Tal incapacidade se deve à ausência total ou parcial da lactase, enzima responsável pela digestão da lactose, encontrada na parede do intestino delgado. A concentração dessa enzima diminui muito a partir dos 5 anos de idade, podendo também diminuir antes dessa faixa etária.

Embora haja diminuição da lactase, nem todos são intolerantes à lactose, já que esse agravo depende também de fatores genéticos e nutricionais.

A intolerância à lactose pode também aparecer com o tempo, decorrente de algum problema na parede intestinal, como por exemplo, a diarreia infecciosa ou o uso prolongado de antibióticos e até mesmo a desnutrição. A lactase é a primeira enzima da borda intestinal a ser afetada quando há algum dano.

Quando a lactose não é digerida no intestino delgado, ela chega intacta ao intestino grosso, onde é fermentada pelas bactérias presentes ali. Essa fermentação produz ácidos orgânicos e gases, que em grande parte são absorvidos. Porém, a parte não absorvida conduz ao surgimento dos sintomas.

Os sintomas mais comuns são desconforto abdominal e a flatulência. A diarreia também é uma manifestação típica, entretanto, só ocorre quando há uma grande quantidade de lactose no intestino. Com isso, as bactérias não são capazes de fermentá-las totalmente e, assim, essa lactose íntegra atrai água até o intestino grosso. O grande volume de água faz com que o intestino aumente a intensidade de seus movimentos, causando a diarreia aquosa.

O diagnóstico é feito através de exames laboratoriais, mas é importante prestar atenção ao histórico alimentar e ao surgimento de sintomas. A demora no diagnóstico e, consecutivamente, no tratamento pode trazer consequências graves, principalmente nos recém-nascidos.

Você pode testar em casa se tem ou não intolerância a lactose. Existem níveis de intolerância, da mais leve a mais severa. Intolerâncias leves, apenas provocam gases e leves inchaços abdominais. Experimente tirar completamente por uma semana a lactose, após a restrição, inclua um dia, depois 2 e observe as reações do seu corpo.

Podemos ter uma qualidade de vida muito melhor se entendermos nosso corpo e tudo o que ele precisa para viver bem e sem dores.

Não ignore pequenos desconfortos, pequenos sintomas, pois muitas vezes a insistência em comer algo que não te faz bem pode desencadear coisas mais graves.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Share
Poliane Novaes
Poliane Novaes
Poliane Novaes é nutricionista, formada pela Universidade São Judas Tadeu (SP), fitness nutrition coach pela NESTA - Accredited by NCCA/USA e educadora física (bacharel e licenciatura) pela Universidade Nove de Julho (SP). Paulista, atualmente vive em Hallandale Beach, na Flórida.
211