DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

ICE: Trump fez mais por segurança pública do que os últimos 5 presidentes

Thomas Homan. Imagem: Reuters/Kevin Lamarque.

O diretor do Immigration and Customs Enforcement (ICE) , Thomas Homan, disse nesta segunda-feira, 4, que o presidente Donald Trump fez mais por segurança pública do que qualquer um dos cinco presidentes anteriores.

Em entrevista ao programa do canal Fox News – “Fox & Friends”-, Thomas Homan disse que o presidente fortaleceu a segurança das fronteiras ao permitir que os funcionários do ICE façam seu trabalho.

“Este presidente fez mais pela segurança da fronteira e pela segurança pública do que qualquer um dos seis presidentes para os quais trabalhei”, disse ele. “Desde janeiro, quando Trump iniciou sua liderança, a travessia ilegal pelas fronteiras é a mais baixa em 45 anos. Agora, isso não é uma coincidência. Isso porque esse presidente deixou os homens e as mulheres do Border Patrol (Patrulha da Fronteira) e do ICE fazerem o seu trabalho”, ressaltou.

Homan trabalha no ICE há mais de 30 anos e foi nomeado por Trump como diretor interino da agência pouco depois de assumir o cargo. Em novembro, ele passou a ser diretor permanente.

As prisões de imigração aumentaram nos primeiros meses da presidência de Trump, com um maior aumento também de prisões de imigrantes sem antecedentes criminais. Durante os primeiros 100 dias da administração mais de 41 mil imigrantes indocumentados foram presos sob o comando de Homan do ICE.

Desde julho, o número de indocumentados nas prisões locais aumentou 80%, segundo Homan.

Ainda na campanha eleitoral Trump de 2016 adotou uma posição de linha dura com a imigração. Tão logo assumiu, reforçou a segurança da fronteira pela construção do muro com o México e repressão à imigração ilegal e às cidades “santuárias”. Em setembro, o ICE prendeu centenas de imigrantes em uma série de repressões nessas cidades consideradas refúgio para os imigrantes.

As exigências de Trump para um muro de fronteira se intensificaram na semana passada depois que um imigrante indocumentado foi absolvido pela morte da americana Kate Steinle, em 2015.

Porém, as medidas de repressão adotadas pelo ICE foram alvo de críticas depois que uma garota de 10 anos de idade com paralisia cerebral foi detida no hospital onde aguardava cirurgia de emergência. O hospital ficou sob investigação pelos agentes.

O U.S. Customs and Border Protection deverá lançar seu relatório anual de números de apreensão de fronteira referente ao ano fiscal de 2017 a qualquer momento. Espera-se que os números sejam dramaticamente inferiores aos do ano passado.

Com informações do Washington Examiner.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]

Tags: ,,,

Gazeta News
Gazeta News
224