DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Embarcação naufraga com mais de 100 pessoas na BA

Multidão assiste ao resgate da embarcação. Imagem: Fotos Públicas.

Uma lancha virou durante travessia entre cidades de Salvador e Vera Cruz na Baía de Todos-os-Santos (BA) na manhã desta quinta-feira, 24. Pelo menos vinte e duas pessoas morreram, segundo informação confirmada pela Marinha.

Não havia previsão de mau tempo na região e a embarcação, chamada de Cavalo Marinho I, tinha capacidade total de 160 pessoas e transportava 133, sendo 129 passageiros e quatro tripulantes, de acordo com informações passadas pela Associação dos Transportadores Marítimos da Bahia (Astramab).

Cinco corpos foram resgatados pela Marinha e outras 17 vítimas foram resgatadas por embarcações particulares. Segundo a Secretaria de Saúde da Bahia (Sesab), 89 pessoas foram resgatadas com vida até o momento.

De acordo com a Marinha, a embarcação estava regular e um inquérito administrativo será instaurado para apurar causas, circunstâncias e responsabilidades do acidente. “Essa informação [do acidente] chegou 7h45. Uma embarcação que trafegava viu o acidente emitiu um pedido de socorro para Marinha do Brasil. Mobilizamos equipes quatro lanchas da Capitania [dos Portos] mais quatro navios que estavam atracados na Base Naval de Aratu. Ao todo, 126 militares estão no local trabalhando no socorro às vítimas”, explicou o comandante e assessor de comunicação da Marinha, Flávio Almeida.

O comandante do Corpo de Bombeiros, Francisco Telles, disse ao G1 que havia coletes na embarcação, mas o órgão apura se a quantidade de equipamentos era suficiente.

Após a morte de um bebê, a Secretaria Municipal de Saúde de Salvador informou que o número de mortos subiu para 23. Entretanto, a Marinha ainda não confirma esse número.

As investigações sobre o acidente estão em andamento.

O naufrágio na Bahia ocorre um dia depois de outro acidente que matou 21 pessoas noRio Xingu, no sudoeste doPará, na quarta-feira, 23. Até o momento são 23 sobreviventes, 16 desaparecidos e 21 mortos de uma embarcação que estava com 70 passageiros e não tinha permissão para navegar, segundo a Agência de Regulação e Controle dos Serviços Públicos do Estado do Pará.

Com informações do G1.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]

Tags: ,,,

Gazeta News
Gazeta News
240