DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Curiosidades sobre o Thanksginving

153642895

Não me canso de dizer que este é o feriado que mais gosto e que mais representatividade tem: Thanksgiving, ou dia de ação de graças. Dia de parar tudo, reunir a família e agradecer.

Antes de chegar nos Estados Unidos, eu sempre assistia a grande festa que o Bradesco fazia a propósito e que era transmitida pela TV. Era tão lindo.

Também na nossa Igreja Luterana, havia um dia de Ação de Graças, relacionado a colheita. Os agricultores traziam uma amostra da sua colheita e depositavam no altar. Em viagem pela Alemanha, vi que eles ainda mantém esta tradição.

Mas vamos ver alguns fatos interessantes relacionados com as celebrações de Ação de Graças.

1 – A ORIGEM

E realmente a origem do dia está no agradecimento ao alimento, por esta razão é feito no outono do hemisfério norte.

Aqui nos Estados Unidos começou a ser celebrada pelos imigrantes, por volta de 1620. O primeiro ano, para os imigrantes foi doloroso e dificil. O frio e as feras eram fatores adversos. Não desanimaram. Tinham fé em Deus e nas suas promessas. Cortaram árvores , fizeram cabanas, semeram o solo. Os índios, conhecedores do local, ensinaram a melhorar a produção e Deus os abençoou com uma colheita abundante. Emocionados e sinceramente agradecidos reuniram os melhores frutos e convidaram os índios para juntos celebrarem uma grande festa de louvor e gratidão. Assim nascia o Thanksgiving.

Passou a ser feriado nacional apenas em 1863, decretado pelo Presidente Abraham Lincoln. Ele declaroou que a quarta quinta-feira de novembra seria o Dia Nacional de Ação de Graças.

Em 1939, o Presidente Franklin Roosvelt instituiu que este dia seria celebrado na terceira semana de novembro, a fim de ajudar o comércio, aumentando o tempo disponível para propagandas e compras antes do Natal. É o famoso unir o útil ao agradável. Na época se considerava inapropriado anunciar produtos natalinos antes do Dia de Ação de Graças. Hoje a propaganda natalina já começa em outubro. Porém este ato do presidente não era mandatório e apenas 23 estados aderiram. Assim o Congresso Nacional, para resolver o impasse, instituiu que o Dia de Ação de Graças seria comemorado definitivamente na quinta-feira da quarta semana de novembro e que seria um feriado nacional.

O pior é que as empresas não fazem a famosa ponte tão ao gosto dos brasileiros. Raras são as companhias que dão feriado na sexta. Assim, se a pessoa viajar para encontrar a família terá que usar um dia de férias para cobrir a sexta-feira. Viva o progresso nos Escravos Unidos da América. Brincadeiras a parte, talvez seja este um dos sinais de sucesso do país. Porque de uma ponte num feriado, rapidamente se passa a outra, outra e se chega aos absurdos do Brasil que na semana de Carnaval pouca gente trabalha.

O embaixador brasileiro Joaquim Nabuco, participando em Washington das celebração do Dia Nacional de Ação de Graçcas falou em tom profético Eu quisera que toda a humanidade se unisse, num mesmo dia, para um universal agradecimento a Deus. Estas palavras moveram algumas consciencias no Brasil e o Presidente Eurico Gaspar Dutra decretou a última quinta-feira do mês como Dia Nacional de Ação de Graças. Mas não pegou. Não tem a força do feriado dos Estados Unidos.

2 – O DIA DO PERDÃO AO PERÚ

Cada ano, desde 1947, há uma cerimônia na Casa Branca, alguns dias antes do Thanksgiving chamada do dia da apresentação do Peru, em que dois perus vivos são apresentados ao Presidente dos Estados Unidos e ele escolherá um que será poupado de ir para a panela. Um dia antes os perús chegam a Washington e são hospedados num hotel de luxo com toda mordomia. Este ano a comemoração completa setenta anos.

Acho uma tradição meio besta mas tradições não se discutem, se praticam kkkk.

3 – A PARADA ANUAL DE THANKSGIVING DA MACYS EM NEW YORK

A tradicional parada da Macys começou em 1924. Primeiramente era uma parada de Natal iniciando a temporada de vendas natalinas.

A parada nos moldes atuais foi realizada pelos funcionários e apresentava alguns animais do Zoológico do Central Park.

Hoje ela é composta basicamente de balões de gás em todos os formatos. Três milhões de pessoas assistem ao vivo e mais de 44 milhões olham pela televisão.

Meu sonho de consumo. Ainda não tive a oportunidade de assistir ao vivo, mas sempre assisto na TV.

4 – É O DIA MAIS MOVIMENTADO DO ANO

Em termos de viagem, este é sem dúvida o mais movimentado do ano. De acordo com a American Automobile Association mais de 42 milhões de americanos viajam de carro pelo menos cinquenta milhas no feriado. Mais de quatro milhões viajam de avião para estar com seus familiares.

5 . O MENU É PERU

De acordo com pesquisas 95% dos americanos comem perú, seguindo a tradição dos imigrantes. Ao redor de 280 milhões de perús são vendidos para a festa. O maior fornecedor de perús é o estado de Minnesota, porém somado a Carolina do Norte, Arkansas, Missouri , Virginia e Indiana produzem dois terços dos perús consumidos.

Aqui em casa vamos fugir do menu tradicional. O perú é muito grande e capaz de ficarmos comendo até o Natal.

6 – CRANBERRIES É MAIS DO QUE UM PRATO COMPLEMENTAR

Cranberries são uma das três frutas nativas da América do Norte. Os nativos além de comerem a fruta, a usavam para tingir roupas, tapetes e cobertores. Também usavam a fruta para uso medicinal. É uma das frutas que compõe o cardápio da data, principalmente em forma de geléia.

7 – OSSINHO DA SORTE

O ossinho do peru é usado para tirar a sorte, durante as festas de Thanksgiving. A tradição consiste em que duas pessoas, cada uma segurando num dos ossinhos do perú, tente separa-los ficando com o pedaço maior. Esta tradição iniciou com os etruscos e foi difundida pelos romanos quando conquistaram a Inglaterra. De lá a tradição veio com os imigrantes para a América.

8 . DIA NACIONAL DA BRIGA EM FAMILIA

Dizem que é o dia nacional da briga em família, porque é um dos poucos dias do ano em que a família se reúne e quem tem família sabe que quando todos estão juntos a possibilidade de desentendimentos é enorme.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]

Tags: ,,,

Silvana Mandelli
Silvana Mandelli
Brasileira/americana, Silvana Mandelli resolveu, na terceira idade, escrever sobre suas experiências de vida, principalmente sobre viagens, sua grande paixão. Em seu blog "De bobagens a viagens", também compartiha aprendizados, observações sobre aquele assunto que estiver na mente e experiências que deram ou não certo, podendo assim deixar um legado para sua neta. Blog: www.debobagensaviagens.com
227