DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Chuva matou quatro no sudeste do Brasil

Um deslizamento de terra ocorrido na região de Teresópolis (RJ) nesta sexta-feira matou ao menos uma pessoa, de acordo com a Defesa Civil Estadual do Rio. Equipes mantinham as buscas por mais duas que estavam desaparecidas, às 11h30. Havia suspeitas de que elas tivessem sido soterradas. Desde quarta-feira (29), no total, os temporais que atingem a região Sudeste mataram quatro pessoas –três no Rio e uma Minas.

No Rio, Ana Clara Barbosa de Assis, 3, morreu afogada na inundação de uma creche; e Anderson de Farias Oliveira, 17, morreu afogado no rio Palu. Em Sabará (MG), Glayson de Jesus Miranda, 13, morreu quando um muro desabou sobre ele e a irmã, na quinta (30).

Nesta sexta, Nova Iguaçu (Baixada Fluminense), uma das cidades mais atingidas pelas chuvas, recebe mais de cem militares do Exército em apoio à força-tarefa que trabalha no resgate das vítimas e na reconstrução dos bairros mais prejudicados. Na quinta, o prefeito, Lindberg Farias, havia decretado situação de emergência.

Os integrantes da força-tarefa recebem também nesta sexta três escavadeiras grandes, duas hidráulicas, duas retro-escavadeiras e três caminhões.

De acordo com a Defesa Civil Municipal, mais de 300 famílias foram “gravemente afetadas” pela chuva. Mais da metade delas perderam suas casas ou precisaram abandoná-las. Duas escolas municipais –a Orlando Mello, na Posse, e a Nova Era, no Jardim Nova Era– são usadas como abrigo e central de atendimento às vítimas.

Houve desabrigados e desalojados também nas cidades de Mesquita, Teresópolis, Mendes e Belford Roxo.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
152