DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Café sem cafeína diminui risco de diabetes

De acordo com especialistas da Universidade de Minnesota, beber café descafeinado está associado a um risco menor de desenvolver diabetes.

Uma longa pesquisa feita com 28 mil mulheres descobriu que beber mais de 6 xícaras de café descafeinado por dia estava associado a um risco 33% menor de desenvolver diabetes comparado com não beber café de jeito nenhum.

As mulheres que bebiam café com cafeína tinham uma redução no risco de desenvolver diabetes muito menor.

A pesquisa que levou 11 anos sugere, ao contrário do que outras pesquisas indicavam, que o consumo de cafeína não reduz o risco de diabetes.

As mulheres analisadas estavam no período pós-menopausa e participaram do projeto entre 1986 e 1997.

No início do estudo, nenhuma das mulheres tinha diabetes ou doenças cardiovasculares.

A conexão entre beber café descafeinado e a redução no risco de diabetes foi encontrada em mulheres com pesos e idades diferentes.

Outros componentes

Os pesquisadores procuraram entender se havia algum outro ingrediente no café descafeinado que pudesse estar contribuindo para isso.

Minerais encontrados no café como magnésio e ácido fítico podem ajudar a controlar o nível de açúcar no sangue, mas os pesquisadores não puderam estabelecer uma ligação com o material que eles tinham.

O café também contém uma série de fitoquímicos que aparentemente tem uma alta atividade antioxidante que, segundo pesquisadores, poderia proteger células que produzem insulina contra danos, prevenindo ou adiando o desenvolvimento de diabetes.

“Outros estudos sugeriam que a cafeína pudesse ser o ingrediente responsável pela proteção, mas agora o nosso estudo contradiz esses resultados”, disse o líder do grupo, Dr Mark Pereira.

“Aparentemente, existe grande potencial no café para ajudar a reduzir o risco de diabetes. Identificar o ingrediente que proporciona isso deve, com certeza, ser objetivo de pesquisas futuras”, afirmou Pereira.

O representante da Diabetes UK, Roopinder Brar, concorda que mais estudos são necessários para determinar qual o ingrediente no café descafeinado pode ajudar a reduzir o risco de diabetes.

“Beber mais de seis xícaras de café ao dia pode ter outros efeitos menos benéficos, levando, por exemplo, à desidratação”, afirmou Brar.

“Se as pessoas realmente querer reduzir o risco de ter diabetes, então elas precisam fazer exercícios regularmente e manter uma dieta saudável. Essa é a receita mais segura até agora”, completou.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
223