DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Três lições importantes sobre finanças – Parte II

finanças Continuando as lições de finanças da semana passada, aqui estão mais 3 lições que devemos fazer de tudo para ensinar aos nossos filhos que estão começando a vida.

1. Comprar o que não PRECISA!
O erro: “Nossa geladeira é velha – precisamos de uma nova, mas tem que ser a que vem com tela sensível ao toque – o cara da loja disse que nos pouparia centenas de dólares todo ano. É zero de entrada, e zero de juros por 12 meses!!!”

As realidades: muitas dessas ofertas de “comprar com crédito, sem juros por X meses” das lojas de varejo contam com compradores ingênuos, estimulados pela necessidade de gratificação instantânea. Contratos de crédito podem incluir estipulações de que se um único pagamento for perdido, o titular do cartão pode ser obrigado a pagar juros desde a data original da compra! Os compradores que se interessam por esses negócios nem sempre leem as letras miúdas antes de assinar o contrato.

Os cartões de crédito da loja de varejo podem ser atraentes para os compradores que recebem um desconto imediato de 10% em sua primeira compra quando se inscrevem. Eles podem pensar: “Usarei para estabelecer crédito”. Mas esse cartão de loja pode ter uma alta taxa de juros; aliás, a maioria tem!
É melhor pensar nesses cartões como uma minúscula bomba-relógio colocada na carteira.

LEIA TAMBÉM  Câmara dos EUA aprova lei sobre vítimas do 11 de setembro processarem a Arábia Saudita

A lição: “Não compre a crédito o que acha que pode pagar. Se você quiser uma ‘geladeira inteligente’, considere economizar e pagar por ela em dinheiro. Faça seus pagamentos de hipoteca e carro a tempo, sempre que quiser ajudar a aumentar seu crédito.

2. Entrar no negócio com um amigo
O erro: “Por que trabalhar com pessoas que eu não conheço só para receber um cheque de pagamento? Por que não começar um negócio com um amigo para que eu possa me divertir, todos os dias, com pessoas que eu gosto e construir algo significativo?

A realidade: A verdade é que começar um negócio com um amigo pode funcionar. Muitas grandes empresas foram criadas por dois ou mais amigos com uma visão compartilhada e uma combinação eficaz de habilidades. Mas se algum dos parceiros não estiver preparado para lidar com os desafios do empreendedorismo, o resultado poderá ser desastroso, tanto do ponto de vista pessoal como profissional. Pode ajudar se os empreendedores inexperientes estiverem preparados para:
* Perder o dinheiro que for contribuído como capital inicial
* Concordar no início como os conflitos serão resolvidos.
* Definir claramente funções e responsabilidades
* Desenvolver um acordo operacional bem pensado

LEIA TAMBÉM  Carioca relembra o “pesadelo” vivido no 11 de Setembro

A lição: Entenda que o dinheiro, as pressões, os sucessos e os fracassos nos negócios arruinaram muitas grandes amizades. Considere entrar no negócio individualmente e trabalhar juntos como parceiros, em vez de coproprietários.

3. Pegar outro cartão de crédito
O erro: “Eu preciso construir crédito e esse cartão em particular oferece ótimos pontos e uma baixa taxa anual! Só será usado em caso de emergência”.

A realidade: Existem outras maneiras de estabelecer crédito, como pagar seus pagamentos de aluguel e de carro no prazo. Cartões de crédito podem levar a dívidas que podem levar anos (ou décadas) para compensar, especialmente para os jovens inexperientes quanto a orçamento e gerenciamento de dinheiro.

A lição: Aprenda a se disciplinar para economizar nas coisas que deseja comprar e pague com dinheiro. Concentre-se em pagar dívidas – como empréstimos estudantis e empréstimos de carro – não indo mais longe no buraco. E quando você precisa obter um cartão de crédito, pague-o todos os meses em dia!
Estas lições são para nossos filhos… mas podemos pegar uma carona e aproveitar a mensagem também, certo?
Uma ótima semana para todos!

LEIA TAMBÉM  A forma mais barata de fazer seus filhos felizes no Natal - Saúde Financeira

Comments

comments

Tags: ,,,,,,

Claudia Fehribach
Claudia Fehribach
Carioca, formada em Artes pela Universidade do Rio de Janeiro. Conselheira financeira especialista em orçamento, aconselhamento de crédito pessoal e hipotecas reversas. Atua na empresa DebtHelper.com. Envie sua dúvida por email.



290