DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

1 em cada 7 homens é diagnosticado com câncer de próstata

A importância da conscientização

No mês de novembro é a vez dos homens se conscientizarem do risco do câncer, essa doença que mata mais de 1,6 de pessoas por ano nos Estados Unidos, de acordo com Instituto Nacional do Câncer (NCI). E o câncer de próstata é o terceiro tipo mais comum, e responde por 4.4% das mortes relacionadas à doença, tendo registrado 26 mil mortes em 2016, conforme o NCI. Número só fica atrás do câncer de mama (40 mil mortes por ano) e do câncer de pulmão e brônquios mama (155 mil mortes por ano).

Pelo menos 1 em cada 7 homens é diagnosticado com a doença, nos EUA, mas o lado positivo é que a taxa de sobrevivência da doença é bem alta: 96% sobrevivem em média 15 anos ou mais. 98% sobrevivem em média 10 anos e 99% convivem com a doença por 5 anos ou mais, de acordo com Associação Nacional do Câncer.

A expectativa é que até o final do ano o número de novos casos ultrapasse 160 mil no país, e por dados como esse é que as organizações de combate e prevenção ao câncer organizam vários eventos nesse mês.

LEIA TAMBÉM  Galera 171

A campanha Novembro Azul chama a atenção para a prevenção do câncer de próstata, segunda doença que mais mata homens no mundo. Antes uma doença considerada de idosos, hoje tumor maligno tem sido diagnosticado em homens cada vez mais jovens.

Quando detectado no início, a chance de cura do câncer de próstata é maior. No entanto, quando ele se espalha, os danos costumam ser irreversíveis. A avaliação médica especializada realizada periodicamente é muito importante na detecção precoce do câncer, o que aumenta significativamente as chances de cura do paciente. A recomendação é de que homens a partir de 50 anos procurem um profissional para uma avaliação clínica especializada, como o toque retal e exame de sangue.

Fatores de risco
A causa exata do câncer de próstata não é conhecida, o que torna impossível cessar seu desenvolvimento na maioria dos casos. Muitos fatores de risco, como idade, genética, raça e histórico familiar não podem ser controlados.

Segundo especialistas a idade é um fator de risco importante para o câncer de próstata, uma vez que tanto a incidência como a mortalidade aumentam significativamente após os 50 anos. Para aqueles que têm pai ou irmão com câncer de próstata antes dos 60 anos há mais risco de se ter a doença de três a 10 vezes, comparado à população em geral.

LEIA TAMBÉM  Thank You Notes

Algumas medidas podem ser adotadas para minimizar os riscos do câncer de próstata. Uma dieta rica em frutas, verduras, legumes, grãos e cereais integrais, e com menos gordura, principalmente as de origem animal, pode ajudar a diminuir o risco de câncer, ou pelo menos amenizar sua evolução, assim como também a de outras doenças crônicas. Fazer no mínimo 30 minutos diários de atividade física, manter o peso adequado à altura, diminuir o consumo de álcool e não fumar são medidas importantes.

2017 ZERO Prostate Cancer Run/Walk – Miami/Hollywood
Será realizada neste domingo, dia 5, a corrida “2017 ZERO Prostate Cancer Run/Walk – Miami/Hollywood”, que tem como finalidade de chamar atenção para os riscos da doença. A corrida acontece na praia de Hollywood (Hollywood Beach Boardwalk), com ponto de partida no Charnow Park (300 Garfield Street, Hollywood, FL 33019). Mais informações no site www.zerocancer.org.

Comments

comments

Tags: ,,,

Vanuza Ramos
Vanuza Ramos
Vanuza Ramos formou-se em Jornalismo pela Universidade Estadual da Paraíba-UEPB. Há 10 anos vive nos Estados Unidos, onde também desenvolve atividades culturais voltadas para a comunidade brasileira. Como escritora, participou das duas edições da coletânea “Brava Gente Brasileira em Terras Estrangeiras”. Seu portfolio inclui também trabalhos na área de Produção de Eventos e Shows, Public Relations e Marketing.



295