DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Venezuela vive “holocausto da saúde”, dizem médicos

médicos venezuelanosA Associação Médica da Venezuela denunciou a escassez de medicamentos no país, classificando a crise venezuelana como um “holocausto na saúde”.

Segundo a associação, há pessoas morrendo nas unidades hospitalares, das quais mais de 95% sofrem com a falta de medicamentos – 85% das farmácias também enfrentam o problema.

A Federação Médica afirmou que a ONG Farmacêuticos Sem Fronteiras separa uma grande quantidade de remédios para serem enviados ao país, mas o governo se nega a receber doação de órgãos internacionais.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta News
Gazeta News
153