DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

União recorre contra liberação de cirurgia de bebê brasileiro em Miami

Samuel Soares dos Santos possui a síndrome de Bernord. Foto: arquivo pessoal.

União acumula multa de mais de R$300 mil por não cumprir a sentença

Desde julho deste ano, quando foi autorizada pela justiça brasileira, o bebê Samuel Soares dos Santos, de 1 ano e 11 meses, aguarda a liberação para embarcar para Miami para fazer uma cirurgia de intestino no Memorial Jackon Hospital, onde outras crianças brasileiras já realizaram o transplante.

No dia 21 de julho, o desembargador federal Johonsom di Salvo expediu a liminar favorável e foi estipulado o prazo de 10 dias para que a União, que representa o Ministério da Saúde, cumprisse a determinação de custear a viagem e o tratamento em Miami, porém, em contato com a família e a advogada, o governo recorreu da sentença e até hoje o caso se estende na justiça.

“A União foi compelida a pagar a viagem e todo o tratamento em Miami, porém, não cumpriu a liminar e acumula uma multa que ultrapassa R$300 mil”, explicou ao GAZETA Paula Roberta de Morais Silva, advogada que cuida do caso.

A advogada explicou sobre o andamento no processo e o motivo da demora. “Eles (a União) apresentaram recurso no dia cinco de setembro e ainda não temos resposta se o desembargador aceitou (o recurso). Se aceitar o recurso e conceder efeito suspensivo da decisão, a ida do Samuel pode ser barrada, mas se não der efeito suspensivo, continua com a execução e eles serão compelidos a cumprir. Acredito que dificilmente barrará a ida dele. Esse é o último recurso”, destacou.

Samuel é atualmente o único portador da Síndrome de Berdon conhecido no Brasil e teve o transplante multivisceral autorizado pela justiça brasileira no Jackson Memorial Hospital em Miami.

Os pais de Samuel, José Elezoardo Gomes Soares, 26 anos, e Joseli Alves dos Santos, 34, disseram que o filho está com o fígado comprometido e não sabem até quando seu organismo vai suportar somente a nutrição por meio de sonda. “Ele está com os olhos amarelos por causa do fígado. A nutrição parenteral fica ligada 24 horas e sobrecarrega o órgão”, enfatiza a mãe.

Assim que saiu a liminar, o GAZETA divulgou a boa notícia e a felicidade da família que via na determinação judicial uma esperança. Porém, mal sabiam que tal decisão se prolongaria ainda por meses e a vida do filho continuaria em risco.

A família criou a campanha para ajudar no tratamento de Samuel no Brasil. Para apoiar, acesse www.facebook.com/pg/ajudeoguerreirosamuel

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]

Tags: ,,,

Arlaine Castro
Arlaine Castro
Arlaine Castro Mineira, formada em Comunicação Social - Jornalismo pelo Centro Universitário do Leste de Minas Gerais (UNILESTEMG). Traz em seu currículo experiências como assessora de comunicação, escritora, revisora e organizadora do livro Eta Babilônia. Atualmente é repórter do Gazeta News.
199