DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Um ter? da Fl?ida continua sem luz ap? furac?

O sul da Fl?ida se mant? em compasso de espera enquanto a companhia de energia el?rica local trabalha para restaurar o fornecimento de luz a um ter? da população do Estado americano, afetada pela passagem do furac? Wilma no in?io da semana.
“Ao se iniciar a segunda jornada completa de reparos, foi restaurado o fornecimento de energia el?rica a 647 mil dos aproximadamente 3,2 milh?s de usu?ios que ficaram sem luz por causa do furac? Wilma”, diz uma nota divulgada pela empresa Florida Power & Light (FPL).

Os n?eros n? refletem a verdadeira gravidade da situação em uma regi? com uma alta porcentagem de idosos e edif?ios de mais de 20 andares, em que muitas pessoas sofrem para chegar a seus apartamentos sem elevador.

As autoridades de boa parte dos 35 condados afetados pela passagem do furac? declararam toque de recolher, mas muitas pessoas continuaram circulando at?altas horas da noite pelas ruas em busca de gasolina, ?ua, gelo e alimentos.

A falta de luz tamb? representa um problema adicional para muitas pessoas com problemas de sa?e como diabete, j?que, sem eletricidade, elas n? podem manter refrigerados seus medicamentos.

Reparos

Os Condados de Broward (onde fica a cidade de Fort Lauderdale) e Palm Beach (onde fica West Palm Beach) foram os mais afetados pela tempestade, principalmente pelos danos causados ? torres de alta tens? e ? subestações da rede el?rica.

Os reparos poderiam demorar at?um m? nas ?eas mais devastadas.

As autoridades locais informaram que seis pessoas morreram durante a passagem de Wilma, um n?ero considerado baixo para um furac? que tinha ventos de at?200 km/h.

Os danos materiais, contudo, poderiam chegar a US$ 10 bilh?s.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
244