DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Transferindo saldos de cartão de crédito: Boa ideia?

Uma oferta de cartão de crédito que apresenta um período introdutório de juros baixo ou de 0% na dívida transferida de outro cartão de crédito, pode ser uma maneira eficiente de conseguir acabar com um grande saldo do cartão de crédito ao longo do tempo sem juros ou com juros bem baixinhos. É também a única maneira prática de pagar um cartão de crédito com outro. As empresas de cartão de crédito não permitem que você use diretamente um cartão de crédito para fazer um pagamento mensal. Mas permitem transferências de balanço.

Quem deveria (e não deveria) obter um?
Esses cartões são tipicamente projetados e oferecidos a indivíduos com crédito bom ou excelente. Com cartões de transferência de saldo, você pode fazer um pagamento de cartão de crédito mensal de baixa taxa em vez de vários.
Se você realmente pode manter-se dentro de um orçamento (um cartão de crédito de transferência de saldo) pode ser uma ferramenta útil. Mas se você está simplesmente transferindo saldos de cartão para cartão, o novo não eliminará seus problemas de dívidas. Na verdade, você poderia acabar exacerbando-os porque as transferências de saldo geralmente envolvem taxas e podem levar a altas taxas de juros quando o período introdutório acabar.
Antes de saltar em uma oferta, leia as letrinhas miúdas do contrato e calcule os custos.

Os números-chave são:
• Taxa de juros introdutória.
• Taxa de porcentagem anual (APR) após a taxa de inserção.
• Taxa de transferência de saldo.
• Pagamento mensal mínimo.

Use uma calculadora de transferência de saldo de cartão de crédito para descobrir se você poderá pagar o saldo completo antes do final do período promocional. Caso contrário, você pode acabar pagando uma taxa muito maior em seu saldo de crédito.
Além disso, evite usar o cartão para compras futuras, pagando o saldo.
Não se esqueça de adicionar o custo da taxa de transferência de saldo, que normalmente é de cerca de 3% do saldo.

Posso qualificar?
Mesmo que todos os números estejam a seu favor, você ainda precisa se qualificar. Isso significa que você deveria ter uma boa ideia do que o seu crédito parece antes de aplicar. Aqueles com crédito estelar (750 ou acima) provavelmente se qualificarão para as melhores taxas de juros. Se a sua pontuação de crédito cair abaixo disso, você pode obter uma taxa de juros mais elevada, mas ainda pode ser menor do que o que está pagando agora.
O outro fator é o limite de crédito. Sempre há uma chance de o novo emissor não distribuir uma linha de crédito suficientemente grande para você transferir todo o seu saldo.

Viver com uma transferência
Você se classificou para a transferência de saldo e transferiu sua dívida para uma conta sem juros. E agora? Certifique-se de que o cartão antigo tenha sido zerado.Mantenha o cartão antigo aberto, usando muito pouco a cada mês (como para Mercado e gás) e pagando o saldo na íntegra. Isso ajudará a aumentar sua pontuação de crédito enquanto você paga sua dívida. Se um saldo ainda permanecer no cartão antigo, continue fazendo pagamentos no tempo correto.
Enquanto isso, ataque a dívida de transferência de saldo antes do período introdutório acabar. E certifique-se de que cada pagamento entre no prazo. Caso contrário, a taxa de introdução pode desaparecer.

Portanto se você tem um bom crédito, a transferência de saldo pode ser uma ótima pedida para você, desde que você observe com bastante cuidado as regrinhas básicas que comentei acima.
Uma ótima semana para todos!

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]

Tags: ,,

Claudia Fehribach
Claudia Fehribach
Carioca, formada em Artes pela Universidade do Rio de Janeiro. Conselheira financeira especialista em orçamento, aconselhamento de crédito pessoal e hipotecas reversas. Atua na empresa DebtHelper.com. Envie sua dúvida por email.
197