DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Tragédia na Flórida envolve família brasileira

Mãe de um garoto de apenas 21 meses foi presa, sem direito a fiança, depois de deixar o filho na sua caminhonete F-150, durante o dia todo na última quinta-feira.

Nellier Lima de 26 anos disse ao detetive que esqueceu seu filho, Harold, na cadeirinha de criança no banco traseiro do carro, de quatro portas, depois de deixar a filha de 6 anos, Jessica, na escola “Port Salerno Elementary School” por volta das 8 a.m.

Normalmente ela deixava Harold na escolinha infantil (day care) enquanto trabalhava limpando casas durante o dia, mas naquela quinta-feira ela não se deu conta que seu filho ainda estava no carro e foi trabalhar. Ela só viu o filho no momemto em que colocava as compras, feita em uma “Dollar Store”, no banco traseiro da F-150.

A policia foi acionada depois que ela pediu ajuda ao caixa da loja, dizendo que seu filho não estava respirando. Infelizmente o resgate não conseguiu fazer nada pelo pequeno Harold. Segundo o investigador Harry Browing, não foi encontrado nenhuma marca de agressão física na criança e nada que indicasse que ele teria ingerido alguma medicação. “Estamos aguardando os resultados da autopsia e dos testes, mas tudo indica que a morte foi causada pelo calor .Técnicos de meteorologia disseram que uma criança pode morrer em 15 minutos, se deixada em um veículo sozinho com a temperatura de 90 graus “F”, como foi o caso de Harold.

A promotora do estado da Flórida Nita Denton, disse na sexta-feira que o Estado irá revisar o caso e os fatos antes de acusar formalmente Lima, que vivia com o marido Wilson Filho de 42 anos num triplex em Stuart condado de Martin.

Vizinhos do casal foram entrevistados por jornais locais e todos disseram que o casal era super dedicado com as crianças e que o pai sempre brincava com Harold no condomínio.

O caixa da loja onde Lima pediu socorro está solicitando ajuda de amigos e clientes para arrecadar dinheiro para o velório do pequeno Harold.

Problemas com a Justiça

De acordo com os recordes Lima teve problemas com a Justiça em 2004 no condado de Broward. Quando Harold tinha 3 semanas, ela recebeu uma notificação para comparecer na corte de Coconut Creek, porque um policial encontrou sua filha Jessica, que tinha apenas 4 anos, próximo a um cruzamento de ruas, sozinha.

O marido foi preso em março deste ano depois que os policiais do condado de Martin foram chamados para separar briga do casal no apartamento da família. Consta nos recordes que Lima disse que seu marido tinha batido na sua cara várias vezes. Ele foi preso naquela noite e acusado de violência doméstica , sendo sentenciado por 12 meses de supervisão.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
223