DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

"The New York Times" afirma nesta quarta-feira

O jornal americano “The New York Times” afirma nesta quarta-feira que o presidente americano George W. Bush não deve esperar um descanso de seus problemas domésticos durante sua visita à América do Sul.

O correspondente Larry Rohter afirma que pesquisas mostram que Bush é o presidente americano menos popular entre os países da América do Sul.

Ele lembra que, além dos protestos em Mar Del Plata liderados por, ninguém menos que Diego Maradona, os líderes presentes na 4ª Cúpula das Américas também não devem dar boas vindas calorosas a Bush, pois sempre reclamaram da negligência e indiferença de seu governo para com a região.

Rohter lembra que o tema da cúpula é “Criação de Empregos para Lutar contra a Pobreza e Fortalecer o Governo Democrático”.

Mas, entre os líderes da América do Sul, segundo o “The New York Times”, o sentimento é de que Bush irá para a Cúpula oferecendo o de sempre: conversas sobre livre comércio, mercados abertos, privatização, austeridade fiscal.

E diplomatas da América do Sul, segundo Rohter, afirmaram que as negociações a respeito de um documento conjunto que deve ser divulgado no final da cúpula foram marcadas pelo desacordo.

O “The Christian Science Monitor”, de Boston, diz que Bush, em sua viagem, vai encontrar uma América Latina menos ligada às prioridades dos Estados Unidos e com relações internacionais mais diversificadas.

O jornal lembra que a Alca não se materializou e blocos comerciais menores se formaram, resistindo ao que países da região afirmam ser uma área de comércio que seria dominada pelos americanos.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
164