DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Temporada de furacões será agitada

Especialistas previram que a temporada de furacões no Altântico será muito ativa este ano, com um número estimado de 17 tormentas tropicais e furacões.

Philip Klotzbach, pesquisador adjunto da Universidade do estado do Colorado, e Joe Bastardi, diretor de prognósticos de furacões do serviço AccuWeather, Inc., reconheceram que previsões similares para a temporada de 2006 foram totalmente equivocadas mas, ainda assim, acreditam que este ano haverá um ciclo mais ativo de tormentas.

Klotzbach e Batardi fizeram as declarações durante a Segunda Conferência Anual de Furacões da AccuWeather, onde reuniram-se mais de 100 especialistas em meteorologia e acadêmicos, a fim de discutir a próxima temporada com integrantes da indústria energética, cujos negócios poderão ser gravemente afetados pelos temporais.

– Não prognosticamos muito bem no ano passado – reconheceu Klotzbach.
A temporada de furacões no Atlântico, que começa em 1° de junho e termina em 30 de novembro, deverá ter uma média de 9,6 tormentas. Destas, 5,9 devem transformar-se em furacões e 2,3 em furacões devastadores.

No ano passado, houve 10 tormentas com nomes no Atlântico. Destas, cinco se transformaram em furacões. Nenhum dos furacões tocou a terra nos EUA. Esta foi a primeira vez que isso ocorreu desde 2001.
Klotzbach e William Gray, seu colega na universidade, disseram em 3 de abril que esta temporada seria “muito ativa”, com 17 tormentas nomeadas, entre elas nove furacões e cinco furacões intensos.

Kltzbach disse que há 74% de possibilidades de um furacão muito intenso afetar os EUA. A temporada de furacões do ano contrastou com a de 2005, quando houve um record de 28 tormentas nomeadas, sendo 15 delas furacões, incluindo o furacão Katrina, que destruiu New Orleans.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
152