DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Tem dúvidas referentes à imigração? Confira aqui!

Perguntas sobre Imigração respondidas pela advogada Ingrid Domingues

De: Raphaela
Assunto: Visto
Pergunta: Estou indo para o Brasil e meu namorado vai até lá para nos casarmos. Tem algum tipo de visto que posso tentar para vir right way ? Ou preciso esperar por todo processo lá? Se sim, quanto tempo isso demora ?

Dra. Ingrid: Se seu namorado é cidadão americano seria melhor você se casar nos EUA. Não sei a razão de voltar ao Brasil, mas será mais demorado e complicado. Se seu namorado se casar com você, tudo irá depender de quanto tempo você ficou nos EUA, como entrou, etc…
________________

De: Bruno
Assunto: Voltar aos EUA
Pergunta: Fui para os EUA em 2010 e fiquei 50 dias por lá, trabalhei e fiz conta em banco, mas voltei para o Brasil por não adaptação ao país. Agora, quero retornar apenas para turismo. Será que terei problemas na imigração por ter trabalhado por lá? Meu visto continua válido.

Dra. Ingrid: Se você não passou da sua permanência nos EUA, em outras palavras, não ficou “ilegal”, você talvez não tenha problemas em regressar. O problema de trabalhar com visto de turismo é que você “violou” os termos do seu visto e, se for descoberto, você poderá ter problemas.
________________

De: Ana
Assunto: Voltar aos EUA legalmente
Pergunta: Residi ilegalmente nos EUA por 7 anos (entrei com visto de turista), tive duas filhas americanas, recebi uma carta para comparecer à Corte por ter passado do tempo de permanência. Compareci à Corte, pedi o voluntary departure e sai no prazo estabelecido. Estou há 4 anos no Brasil e a 1 ano atrás compareci ao consulado para tentar renovar o meu visto, e este foi recusado. A cônsul me disse que entraria nos 10 anos de impedimento. Tudo isto eu já tinha consciência que poderia ocorrer, mas resolvi tentar porque um advogado que contratei em Miami para me acompanhar na Corte me disse que se eu saísse dentro do prazo estabelecido as minhas chances de conseguir um visto era as mesmas de uma outra pessoa. Enfim, hoje sou fisioterapeuta aqui no Brasil e gostaria de saber se existe algum tipo de waiver que eu possa pedir para voltar para os EUA e revalidar meu diploma aí, através de uma empresa.

Dra. Ingrid: Ana, você pode tentar qualquer tipo de visto que você poderia se qualificar, porém, a decisão de conceder ou não o visto, está nas mãos do Consulado Americano no Brasil. Não há como pedir um perdão no seu caso, baseado nas informações que você forneceu.
________________

De: Giulia Cecconi
Assunto: Visto
Pergunta: Meu namorado morava nos Estados Unidos, ele tinha um visto de residente, mas nesse tempo em que ele estava lá ele teve uma passagem pela polícia por agressão doméstica, só que ele não foi condenado e foi retirado a queixa pela pessoa (que era a irmã dele). A família dele continua morando nos EUA e todos têm green card. Apenas ele que está no Brasil e sem o visto porque já venceu. Você acha que por ele ter tido esse problema ele não consegue mais tirar um novo visto? Ele tem hoje 22 anos de idade.

Dra. Ingrid: O Consulado Americano tem total discrição em conceder ou não um visto. Ele só irá saber se consegue quando for aplicar. Não há como prever este tipo de situação.
________________

De: Robson
Assunto: Green Card
Pergunta: Quero saber se tenho direito a pegar documento junto com minha mulher, pois seu filho vai se tornar cidadão americano e vai aplicar para ela. Será que tenho direito também ao documento? Ele é filho do primeiro casamento. Ea ja se desquitou e estamos juntos há uns 8 anos.

Dra. Ingrid: Este tipo de processo depende se você está casado, se você está nos EUA, se entrou ilegalmente, enfim, precisaríamos de mais informações para responder sua pergunta.
________________

De: Zena
Assunto: Visto
Pergunta: Vivi nos EUA por 5 anos já faz 6 que retornei. Nesse período, casei com um americano, mas como recebia pelo governo, não tinha renda para me sustentar e não demos entrada no GC. Separei, minha filha chegou, estudou, trabalhou, compramos uma casa, acabei perdendo, voltei para o Brasil. Minha filha ficou, casou e tem um filhinho de 1 ano, já tem o GC há 4 anos e está esperando o segundo filho para dezembro. Quero ir nesse período para acompanhar o parto e ajudá-la. Trabalho para mim mesma, sou pensionista e não tenho vínculo empregatício, só pago como autônoma. Já me casei aqui e meu visto expirou. Nos EUA recebia os imposto e já paguei também. Consigo novo visto? Na entrevista preciso falar da minha filha? Tenho 52 anos. O que é melhor já que minha filha ainda não aplicou para sua cidadania, pois, hoje, está sem tempo porque estuda, além de trabalhar e está muito caro, fora das posses dela?

Dra. Ingrid: Infelizmente, não tem como prever se um visto lhe será concedido. Lembre-se que tudo depende do Consulado Americano e fica totalmente nas mãos deles. Você só irá saber se conseguirá um visto quando fizer o pedido.
________________

De: Sirley
Assunto: Visto
Pergunta: Morei nos EUA por 5 anos, onde tive um filho. Hoje, moro no Brasil há 7 anos. Gostaria muito de levá-lo para conhecer a Disney. Tenho alguma chance de conseguir o visto?

Dra. Ingrid: Você só irá saber quando fizer o pedido.
________________

De: Itamar Gouvea
Assunto: Legalização
Pergunta: Vim pelo México e conheci minha futura esposa aqui. Ela é americana e gostaria saber se eu me casando com ela aqui, teria como obter o green card ou teria que voltar para Brasil.

Dra. Ingrid: Estando casado com cidadã americana, você tem uma chance de iniciar um processo de legalização através de um “perdão”. Lhe aconselho procurar um advogado para poder obter as informações corretas. Nosso escritório está ao seu dispor se quiser se comunicar – nosso email é: usvisalawyers@aol.com
________________

De: Pedro
Assunto: Casar com 17 anos
Pergunta: Minha filha tem 17 anos, é ilegal e namora um garoto, tambem de 17 anos, que nasceu aqui. Se casarem com o consentimento dos pais, ela pode aplicar cidadania ou tem que esperar ter 18 anos?

Dra. Ingrid: Se sua filha casar com cidadão americano e ela entrou nos EUA com visto, ela poderá iniciar seu processo de legalização para receber a residência permanente. Para se tornar cidadã americana ela terá que esperar 3 anos após o recebimento da residência.
________________

De: Eliane
Assunto: Pensão
Pergunta: Moro nos EUA desde 2006. Meu ex-marido vem pagando a pensão alimentícia pela metade. Quero entrar com um processo de execução: entro com o processo aqui, nos EUA, ou no Brasil, já que o pai mora no Brasil? E ele quer que eu pague a passagem da minha filha para ele poder vê-la. Ele pode me obrigar a ter que pagar?

Dra. Ingrid: Se a criança está aqui, mas o pai está no Brasil, lhe aconselho primeiro procurar um advogado no Brasil. Será muito difícil obrigar o pagamento de pensão com ele estando no Brasil.
________________

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]

Tags: ,,,,

Gazeta News
Gazeta News
224