DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Suplementos e vitaminas: você sabe o que realmente está ingerindo?

A lgumas pessoas já sabem, mas é sempre bom lembrar que a alimentação baseada em produtos não industrializados é sempre melhor. No entanto, somos o dia todo bobardeados com informações que nos confundem um pouco. Por exemplo, quantas vezes você foi ao supermercado e viu produtos com a seguinte informação na embalagem: “rico em carboidratos”? Nenhuma, não é mesmo? Mas frases como “rico em proteínas” ou “rico em vitaminas e sais minerais” nós vemos muito. Por menos que você preste atenção, essas informações são absorvidas e, de repente, tomar um suplemento vitamínico parece uma boa ideia, afinal, pode ser que não estejamos mesmo ingerindo a quantidade certa de vitaminas todos os dias. E vitamina é sempre bom.

Muito mais fácil que buscar a informação verdadeira e mais fácil que buscar uma consulta é passar no “mercado” e comprar um multivitamínico e ficar despreocupado. Então, eu farei para você algumas perguntas: você leu a bula? Olhou os ingredientes? Sabe mesmo o que está ingerindo? Eu fiz essa pergunta para muitas pessoas e a maioria não sabia a resposta.

Além das vitaminas e dos minerais presentes no multivitamínico, existem outras substâncias que não fazem parte do repertório de alimentos do ser humano. Isso quer dizer que é um monte de coisas que estamos ingerindo e que teremos que jogar fora. Essas substâncias são colocadas para manter as propriedades das vitaminas, para dar uma cor mais bonita e ficar mais atrativa, são usadas como veículos, ou seja, para transportar as vitaminas até o nosso sistema digestório.

Existem alguns detalhes que não são revelados com facilidade. Por exemplo, o fato de que nosso organismo absorve os nutrientes (todos), com muito mais facilidade quando eles estão nos alimentos. Sim, se você ingerir uma laranja, a sua absorção de vitamina C será muito melhor que se você ingerir uma cápsula de vitamina C. E, é mais barato e saboroso também, além do que na laranja você tem as fibras que auxiliam no trânsito intestinal e auxiliam na saúde das gengivas.

As cápsulas de vitaminas têm sua função e devem ser usadas quando for preciso, como no caso de pessoas que têm enfermidades que diminuem a absorção intestinal ou dificultam o metabolismo e, por isso, precisam de uma dose maior e controlada. Caso contrário, os alimentos sempre serão a melhor opção.

A minha proposta é que na próxima opotunidade, você leia o rótulo dos multivitamínicos e também dos suplementos que vai comprar. Acredito que irá se assustar com os nomes difíceis e estranhos que estão escritos. Essas são as substâncias que serão ingeridas e que seu fígado e rins terão que trabalhar para eliminar. Com relação aos alimentos, isso não irá acontecer. E, como sempre, a escolha é de cada um. Bom apetite!

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]

Tags: ,,,

Ivani Manzo
Ivani Manzo
Dra. Ivani Manzo é doutora em Ciências pela Escola Paulista de Medicina UNIFESP – EPM com ênfase em obesidade, gestação e exercício. Em 2010 iniciou seus estudos em Life Coach e desde então trabalha ajudando as pessoas a alcançarem seus objetivos.
224