DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Sonhando com o Mundial, Daniele Hypólito pede desculpas à CBG

Quatro dias depois de conquistar o heptacampeonato brasileiro de ginástica olímpica, Daniele Hypólito pediu, pela primeira vez publicamente, desculpas à Confederação Brasileira de Ginástica (CBG) por ter abandonado a seleção brasileira na véspera da etapa de São Paulo da Copa do Mundo, no início de abril. Na ocasião, Daniele não gostou de ter sido escalada pelo técnico Oleg Ostapenko para apenas duas provas da competição, se irritou e deixou o ginásio do Ibirapuera, onde a equipe estava fazendo a última preparação para o torneio.

Desde então, ela tem treinado no Flamengo, onde iniciou a carreira. Além do pedido de desculpas – extensivo aos técnicos da seleção e às ex-companheiras na equipe nacional -, Daniele também revela seu desejo de retornar à seleção. A presidente da CBG, Vicélia Florenzano, já disse inúmeras vezes que Daniele Hypólito só poderá voltar se for aprovada nas seletivas. Como não há novos testes previstos até o fim do ano, Daniele só poderá disputar o Mundial de Melbourne, em novembro, se for perdoada pelos dirigentes.

– Minha última passagem pela seleção foi um desastre que quero recuperar. Quero me desculpar (…) pela minha infeliz despedida da seleção, quando equivocadamente, a abandonei utilizando-me de um humor que não é o meu – disse ela em nota oficial.

No Pará, vitória sobre as ex-colegas

Em outros trechos do comunicado, Daniele expressa sua esperança de ser perdoada pela CBG e voltar à seleção.

– Espero que o meu reconhecimento do equívoco que cometi sirva de lição para todos os atletas de nosso país. Os problemas quando acontecem precisam ser resolvidos através do diálogo entre as partes interessadas e de frente. Nunca através do abandono que é doloroso e não traz qualquer solução. Espero, ainda, voltar a ter oportunidade de oferecer ao meu país toda a qualidade, a garra e a ambição de vencer que tantas vezes me levou ao topo – afirmou.

Em entrevista coletiva concedida nesta quinta-feira, a atleta do Flamengo reiterou seu desejo de defender o Brasil em Melbourne.

– Repensei e achei o melhor a ser feito (pedir desculpas). Agora é esperar e dar tempo ao tempo. Tenho esperanças de ir para o Mundial e representar o meu país – afirmou ela.

Daniele Hypólito foi a primeira brasileira a ganhar uma medalha em um Mundial de ginástica. Em 2001, ela conquistou a prata no solo e ficou em quarto lugar no individual geral do Mundial de Ghent, na Bélgica.

Domingo passado, Daniele se encontrou pela primeira vez com as ex-colegas de seleção, no Campeonato Brasileiro realizado em Belém. Ela não venceu em nenhum dos quatro aparelhos, mas subiu ao pódio em todos, com dois segundos e dois terceiros lugares. Sua regularidade valeu à Pequena Notável seu sétimo título brasileiro.

– Se algo precisava ser provado a mim mesma, acabo de conseguí-lo – declarou ela, em outro trecho da nota oficial.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
196