DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Slater e Irons estréia bem em Santa Catarina

Após o adiamento na segunda-feira, começou na manhã desta terça, na Praia da Vila, em Imbituba (SC), a disputa da etapa brasileira do WCT. O local, que também sediou as etapas de 2003 e 2004, apresentou melhores condições que a Praia da Joaquina, em Florianópolis.

O dia, porém, não está foi muito bom para os brasileiros. Dos 15 que caíram na água, apenas três garantiram classificação à terceira fase da competição: o potiguar Marcelo Nunes, o cabofriense Victor Ribas e o paulista Adriano de Souza, que venceram a segunda, a sexta e a 11ª baterias. Nunes, com 16,90 pontos, fez a maior média do dia.

– Para mim foi um ótimo começo, pois estou precisando de um bom resultado aqui para permanecer no WCT e quero ver se consigo isso aqui no Brasil. Comecei muito bem a bateria, pegando boas ondas e fui muito feliz na execução das manobras – disse Nunes.

Na abertura, o americano Cory Lopez não teve dificuldades para derrotar o seu compatriota Chris Ward e o brasileiro Jihad Kohdr, que ganhara a vaga do também americano Shea Lopez. Irmão de Shea, Cory conseguiu 16,17 pontos, contra 12,83 de Ward e 9,60 de Kohdr, que segue na repescagem. Apesar do tropeço na estréia, o brasileiro ainda tem motivos para comemorar. Ele é o 11º colocado no ranking do WQS e se vencer duas baterias na próxima etapa, no Havaí, garantirá uma vaga no WCT 2006.

Dois dos maiores nomes do surfe na atualidade, o americano Kelly Slater e o havaiano Andy Irons venceram facilmente suas baterias e asseguraram classificação. Com 13,33 pontos, Slater derrotou o brasileiro Guga Arruda (9,83) e o australiano Mark Occhilupo (9,73). Na bateria seguinte, Irons somou 15,13 pontos para vencer o americano Taylor Knox (13,87) e o brasileiro Guilherme Ferreira (11,67).

– As ondas não estão muito boas, mas achei uma que fez a diferença e acredito que fiz um bom trabalho. Agora ganho pelo menos um dia de folga e vou ficar só assistindo as baterias – comemorou Irons.

Derrotados em suas baterias, 12 brasileiros agora voltam suas atenções para a repescagem. São eles: Jihad Kohdr, Pedro Henrique, Yuri Sodré, Diego Rosa, Odirlei Coutinho, Flavio Costa, Heitor Alves, Guga Arruda, Guilherme Ferreira, Paulo Moura, Pablo Paulino e Fábio Gouveia.

Destes, apenas Paulo Moura disputa o WCT de 2005. Os outros competem em Santa Catarina como convidados. Bernardo Pigmeu, Raoni Monteiro, Guilherme Herdy, Peterson Rosa e Renan Rocha estão escalados nas quatro últimas baterias da primeira fase, que deve ser encerrada nesta quarta-feira.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
152