DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Série de explosões deixa pelo menos dois mortos em Londres

Pelo menos duas pessoas morreram e há informações não confirmadas de que centenas ficaram feridas em uma série de explosões que atingiu o metrô londrino e um ônibus, paralisando o sistema de transporte na cidade.
O primeiro-ministro britânico, Tony Blair, disse que está claro que foram “atentados terroristas cometidos para interromper a reunião do G8”, na Escócia. Ele afirmou que está deixando a reunião e retornando à capital.

“Aqueles engajados em terrorismo devem se dar conta de que nossa determinação em defender nossos valores e nosso modo de vida são maiores do que a determinação deles em matar inocentes em uma tentativa de impor sua visão ao mundo”, disse Blair na Escócia.

Clique aqui para ver imagens das explosões

O chefe da polícia de Londres, Ian Blair, disse que há sinais de explosivos em uma das explosões e afirmou temer que este seja um ataque coordenado. O plano de emergência para a cidade já entrou em efeito.

Fontes árabes que monitoram a rede extremista Al-Qaeda disseram que é quase certo tratar-se de obra do grupo.

Feridos

Testemunhas disseram ter visto “vários” corpos na estação de Edgware Road, uma das atingidas, e na explosão do ônibus.

A polícia confirmou que houve “cerca de” seis explosões: uma no ônibus (em Tavistock Square) e as outras em estações de metrô: Aldgate, Edgware Road, King’s Cross, Old Street e Russell Square.

Veja onde foram as explosões:

Várias ambulâncias foram enviadas para as principais estações de metrô da cidade, e os hospitais só estão atendendo casos de emergência.

Vários feridos graves foram levados para o hospital de Saint Mary’s, em Paddington.

Segundo o diretor-executivo do hospital Julian Nettel, há quatro pessoas em estado crítico, inclusive com a perda de membros do corpo. Outras oito estão em estado grave, e há 14 pessoas com ferimentos leves.

Ele disse ainda que médicos do hospital estão avaliando a situação de entre 40 e 50 pessoas que estão num hotel próximo ao hospital, para onde foram logo depois da explosão em Edgware Road.

Nettel afirmou esperar que muitas vítimas ainda sejam levadas ao hospital Saint Mary’s.

Clique aqui para assistir à cobertura em vídeo ao vivo

Cerca de três milhões de pessoas usam o sistema de metrô londrino diariamente.

O ministro do Interior britânico, Charles Clarke, disse que as explosões causaram “ferimentos terríveis”.

O líder da Câmara da Câmara dos Comuns, Geof Hoon, disse aos membros do Parlamento que o governo britânico precisa mostrar àqueles que estão tentando prejudicar a sociedade e democracia britânicas que não vai se deixar intimidar pelas ameaças.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
196