DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

São Paulo joga para ser o único invicto da Libertadores-2005

Únicas equipes ainda invictas na atual edição da Taça Libertadores, São Paulo e Tigres (MEX), começam a definir na noite desta quarta-feira, às 21h45, no estádio do Morumbi, uma vaga nas semifinais da competição.

Os dois times disputaram até agora oito jogos na edição 2005 da competição sul-americana. Os são-paulinos venceram cinco e empataram três, enquanto os mexicanos têm quatro vitórias e quatro empates.

“Eles têm uma equipe de muita qualidade, mas tenho certeza de que podemos obter um bom resultado”, avaliou o atacante Grafite.

A vantagem mexicana será disputar a partida de volta, no próximo dia 15, em casa, na cidade de Monterrey.

No entanto, contra o Tigres, o São Paulo defenderá um aproveitamento de 100% do Brasil em mata-matas da Libertadores contra mexicanos.

Desde 1998, ano em que os clubes mexicanos passaram a participar do torneio sul-americano, times do Brasil e do México se enfrentaram em uma fase eliminatória em quatro oportunidades.

Em 2000, o Palmeiras eliminou o Atlas; em 2002 e em 2004, o São Caetano passou pelo América; em 2003 foi a vez de o Santos ganhar do Cruz Azul.

“O São Paulo tem que ser ofensivo e ganhar de qualquer jeito. Não podemos levar gols, e precisamos fazer atuando em casa”, disse o meio-campista Renan.

Contra o Tigres, o São Paulo defenderá uma invencibilidade de 26 partidas (23 vitórias) em seu estádio na Libertadores. A última derrota da equipe em casa foi para o Colo Colo (Chile), na Libertadores de 1987 (2 a 1).

O técnico do Tigres, Leonardo Alvarez, assegurou que sua equipe não se limitará a defender no confronto no Morumbi. “Vamos buscar o equilíbrio para obter um bom resultado. Estamos buscando fazer a história do Tigres”, avisou.

Contra os mexicanos, o técnico do São Paulo, Paulo Autuori, terá dois desfalques: o zagueiro Lugano, que foi convocado para a seleção uruguaia, e o volante Josué, suspenso.

SÃO PAULO
Rogério Ceni; Cicinho, Fabão, Alex e Júnior; Renan, Mineiro, Souza e Danilo; Grafite e Luizão.
Técnico: Paulo Autuori

TIGRES
Campagnuolo; Saavedra, Balderas, Da Silva e Alvarez; Husaín, Sancho e Morales e Irênio; Gaitán e De Nigris.
Técnico: Leonardo Alvarez

Local: estádio do Morumbi, em São Paulo
Horário: 21h45
Juiz: Daniel Gimenez (ARG)

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
196