DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

São Paulo deflagra ?Operação Goiás?

A vitória por 3 a 2, de virada, sobre o Corinthians, no meio da semana, alterou completamente o clima no São Paulo. Jogadores e dirigentes – que até bem pouco tempo atrás falavam apenas em tirar o time da zona do rebaixamento – já começam a sonhar alto no Campeonato Brasileiro. Ninguém admite publicamente, mas no Morumbi já se fala em “ Operação Goiás” – uma referência ao time do goiano que no ano passado esteve na zona de rebaixamento e empreendeu uma reação surpreendente no segundo turno, ficando 16 jogos invicto.

“Acho que não podemos falar em título, mas temos em todas as condições de chegar na zona das Copas (Libertadores ou Sul-Americana), até como uma espécie de presente para o nosso torcedor”, disse o superintendente de futebol do clube, Marco Aurélio Cunha.

Quem não gostou nada dessa história de`”Operação Goiás”, foi o técnico técnico Paulo Autuori. “É lógico que eu acho que o time tem condições de sonhar com algo mais no campeonato, mas o que eu não entendo é essa mudança (referindo-se à imprensa). Saímos do flanco esquerdo para o direito, assim, depois de um jogo? Não vamos entrar nessa não! Nós temos que pensar é exclusivamente no Coritiba. Nada além disso”, afirmou.

Até a vitória sobre o Corinthians, o Tricolor estava entre os quatro último colocados, com 25 pontos ganhos. Hoje, com 28, o time subiu para a 17ª posição, mas a apenas dois pontos da linha do rebaixamento.

Para a partida contra o Coritiba, Autuori perdeu três jogadores, mas também ganhou três reforços. Poderá contar com Cicinho, Josué e Lugano, que cumpriram suspensão contra o Corinthians e voltam ao time. Em compensação não terá Amoroso, Fabão e Júnior, também por suspensão.

Além disso, o zagueiro Alex cumprirá o terceiro dos quatro jogos de suspensão impostos pelo Superior Tribunal de Justiça Desportiva (STJD) por sua expulsão diante do Atlético Parananense.

Para o lugar de Fabão, Edcarlos deverá ser mantido na defesa. No ataque a tendência é que Diego Tardelli forme dupla de ataque com Christian. Richarlysson e Fábio Santos disputam a vaga deixada por Júnior.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
164