DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Republicanos programam novas audiências sobre imigração.

Washington – Os dirigentes republicanos de Câmara de Representantes programaram nesta quinta-feira (22) cinco novas audiências sobre imigração e confirmaram que esperam enviar ao presidente George W. Bush uma nova iniciativa de lei imigratória antes de 2007.

“Queremos assegurar que o Congresso consiga fazer isto de maneira correta e não de forma apressada por se tratar de um ano eleitoral”, disse o presidente da bancada republicana, Dennis Hastert, de Illinois.

Para muitos republicanos, assim como para alguns democratas que estão cautelosos com a opinião pública durante um ano eleitoral, a melhor maneira de se conseguir avanços é dar seguimento à legislação aprovada pelo Senado, porém sem grandes perspectivas de um caminho ao status legal para milhões de imigrantes ilegais.

“Podemos enviar uma lei de imigração ao presidente neste ano”, disse Hastert.

Durante uma conferencia de imprensa, Hastert e outros dirigentes republicanos da Câmara de Representantes se referiram à iniciativa do Senado com uma proposta “Reid-Kennedy”, em referência ao líder democrata no Senado Harry Reid e ao legislador Edward M. Kennedy.

Tanto Kennedy como o senador republicano John Mc Cain foram os principais arquitetos da iniciativa do Senado, que fico conhecida como a lei Hagel-Martínez, em referência aos senadores Chuck Hagel e Mel Martinez, que articularam um acordo que permitia que milhões de imigrantes ilegais pudessem permanecer no país, por outro lado, obrigando a vários outros milhões o retorno aos paises de origem.

Bush está de acuerdo en que se permita a algunos inimigrantes ilegales permanecer en Estados Unidos y a futuro poder convertirse en ciudadanos.

Bush está de acordo em que se permitam à alguns imigrantes ilegais o permanecimento nos EUA e futuramente de se tornarem cidadãos.

“Dois terços dos votos que permitirão a aprovação da iniciativa foram emitidos pelos senadores democratas”, disse o líder da maioria na Câmara de Representantes, o republicano, Johen Boehner.

As Comissões da Câmara de Representantes encabeçadas pelos republicanos realizaram duas audiências no Congresso na quinta-feira, uma para analisar se os não-cidadãos devem votar nas eleições e outra para analisar a vigilância realizada pelo Departamento de Trabalho sobre os trabalhadores de alta tecnologia que trabalham nos EUA com vistos temporários.

Outra audiência sobre sistemas de inteligência e segurança na fronteira foi programada para a próxima quarta-feira (28) em Washington.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
222