DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Represa aberta por

Pelo menos outras 12 pessoas estão desaparecidas no incidente provocado pelo aumento do volume das águas do rio Narmada, em uma região de banhos sagrados, a 200 km da capital do Estado, Bhopal, depois que as comportas da represa Indira Sagar foram abertas.

Cerca de 300 mil peregrinos estavam reunidos no local para rezar nas margens do rio quando as águas subiram repentinamente.

Autoridades encarregadas da represa admitem ter aberto as comportas, mas dizem que não sabiam do mergulho sagrado.

‘Engano’

Segundo o correspondente da BBC em Bhopal, Faisal Mohammed, algumas estimativas indicam que mais de cem pessoas podem estar desaparecidas.

Um policial disse à agência Reuters que os peregrinos estavam dormindo quando o desastre atingiu o vilarejo de Dharaji.

Equipes de resgate passaram o fim de semana buscando os corpos depois que foram fechadas rapidamente as comportas da represa, a 100 km.

O chefe da empresa estatal Narmada Hydroeletric Development Corporation, SK Dodeja, culpou as autoridades locais por não terem avisado os funcionários da represa sobre o festival hindu.

“Era tarefa da administração distrital avisar os peregrinos sobre as águas da barragem e a gerência da corporação sobre a reunião de uma multidão nas margens do Narmada”, disse SK Dodeja.

“A falta de coordenação entre as autoridades locais e a corporação levaram ao engano.”

O Narmada é um dos maiores rios da Índia e mais de 3 mil represas estão sendo construídas ao longo de seu percurso.

Centenas de famílias estão sendo deslocadas de vilarejos das redondezas.

Os que apóiam o projeto dizem que vai levar água a milhares de pessoas e ajudar na geração de energia.

Os críticos, porém, dizem que os custos humanos e ao meio ambiente são excessivos.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
196