DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Policial filmado afirmando que “só mata negros” nos EUA pede demissão

Com a repercussão do caso, o policial acabou pedindo demissão. Imagem: reprodução video.

Um comentário de um policial americano flagrado em uma filmagem dizendo a uma mulher pega em blitz de DUI (Driver Under Influence) que ela não deveria ter medo dele porque não era negra ganhou repercussão nesta semana e causou a demissão do oficial na sexta-feira, 1º de setembro.

O caso ocorreu em julho do ano passado no condado de Cobb, no Estado da Virgínia, mas somente agora veio à tona com a divulgação do vídeo em redes sociais. O policial Gregg Abbott havia parado um carro e decidido apreendê-lo porque a motorista estava embriagada, mas mudou de ideia e pediu então à passageira que pegasse o celular que estava em seu colo para ligar para quem estivesse vindo buscá-las e dizer que não seria mais necessário.

“Tenho medo de abaixar as mãos. Já vi muitos vídeos da polícia”, disse a mulher, referindo-se a gravações que mostraram pessoas sendo atingidas por policiais. Foi quando o policial retrucou: “Mas você não é negra. Lembre-se que só matamos negros. Sim, só matamos os negros, ok? Todos os vídeos que você viu havia brancos sendo mortos? Havia?”

A blitz ocorreu às 3 da manhã do dia 10 de julho de 2016, na Interstate 75, perto de Marietta, sede do condado, apenas quatro dias depois que Philando Castile, um homem negro de Minnesota de 32 anos, ter sido morto por um oficial durante uma parada de trânsito.

Nos EUA, pessoas negras têm três vezes mais chances de serem alvejadas e mortas pela polícia em comparação com pessoas brancas, de acordo com um levantamento do jornal The Washington Post.

Após 28 anos de profissão, Abbott pediu demissão, um dia depois de seus chefes terem anunciado que o demitiriam.

Com informações do The New York Times.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]

Tags: ,,

Gazeta News
Gazeta News
224