DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Polícia inicia operação para prender motoristas embriagados.

Motoristas embriagados cuidado: a polícia vai lançar uma ofensiva este mês para cumprir determinação do governo de prender todos aqueles motoristas que sejam flagrados dirigindo sob ofeito de álcool.

A Administração Federal de Segurança de Tráfego de Rodovias anunciou que espera que seus novos anúncios ajudem a reduzir as mortes relacionadas com o álcool, que permanecem estáveis há uma década. O governo disse que 39% das mortes em acidentes de trânsito no ano passado tiveram relação com o consumo de álcool.

– Estamos falando sério. Se eles não saem das ruas voluntariamente, vamos tirá-los de lá – disse a secretária interina de Transporte, María Cino.

A campanha de anúncios de $11 milhões está dirigida aos motoristas, homens, de 21 a 34 anos, que são percentualmente os maiores causadores de acidentes fatais por dirigirem embriagados. Os anúncios mostram as autoridades detendo três homens que estão dirigindo veículos cheios de cerveja, vinho e destilados, enquanto a mensagem afirma: – Não se engane. Você será preso. Dirigir embriagado: Inaceitável. Preso”.

Agentes da justiça vão reforçar a busca de motoristas embriagadas até o Dia do Trabalho, utilizando pontos de controle e patrulhas adicionais que ficarão concentradas em rodovias consideras problemáticas, eventos esportivos, festivais e concertos onde há uma tendência ao uso excessivo de bebidas.

A entidade Mãe Contra os Motoristas Embriagados, uma organização da sociedade civil, estimou que mais de 11 mil policiais estarão participando das patrulhas.

Em 2005, um total de 16.855 pessoas morreram em choques relacionados ao uso de álcool, incluindo pedestres e ciclistas, o que representa uma diminuição de apenas 0,2% em relação aos 16,919 registrados em 2004. Os números mostram pouca melhora nos últimos anos. Em 1997, por exemplo, morreram 16.711 pessoas nestas circunstâncias.

As mortes em acidentes de trânsito, vinculadas ao álcool aumentaram entre 2004 e 2005 em 25 estados e no Distrito de Colúmbia, incluindo Califórnia, Flórida e Pensilvania. Outros 23 estados tiveram reduções, entre eles Texas, New York e Illinois. Os números de Carolina do Norte e Rhode Island mantiveram-se os mesmos.

Em 2005, os acidentes fatais envolvendo pelo menos um motorista ou motociclista com nível ilegal de álcool de 0,08% baixou mais de 1%. Mas as mortes envolvendo níveis de álcool de 0,15% – quase o dobro do limite legal – subiram quase 1%.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
223