DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Philadelphia Eagles conquista o título inédito do Super Bowl

O Philadelphia chegou à decisão do Super Bowl LII como azarão. Tinha pela frente o, até então, campeão New England Patriots e todos os holofotes apontavam para o lendário quarterback Tom Brady, que buscava seu sexto título e acabara de receber o título de MVP da temporada. Foi então que brilhou a estrela de Nick Foles, jogando na mesma posição de Brady, foi o grande responsável pela vitória épica dos Eagles.
Esquecido até a lesão de Carson Wentz na reta final da temporada, Nick Foles liderou o ataque, consciente de suas armas para superar a defesa dos Patriots. Distribuiu bem o jogo corrido e aéreo, abrindo espaço para LeGarrette Blount e Jay Ajayi até mesmo em momentos cruciais de terceira descida e ainda fez lançamentos que resultaram em recepções de Alshon Jeffery e Corey Clement que ficarão para a eternidade. Ele terminou com 373 jardas e três passes para touchdown, além de marcar outro ao se transformar em recebedor. Foi eleito o MVP da partida.
Foles lançou para 373 jardas, 3 touchdowns e ainda foi recebedor de um, quando, em jogada ensaiada, assumiu o posto de recebedor e foi cirúrgico ao receber passe na end zone. Precisou superar uma grande partida de Brady, que bateu o recorde de jardas aéreas, com 505, mas acabou sofrendo um fumble no último quarto da partida, lance que acabou sendo determinante para o resultado da partida.
Mesmo sendo a principal peça da conquista do Philadelphia, o quarterback não tem seu futuro garantido no time. Nick Foles assumiu a função depois da séria lesão sofrida pelo titular da posição Carson Wentz. Além da expectativa pela recuperação de Wentz, Foles, de 29 anos, tem uma questão contratual que pode tirá-lo dos Eagles. Se permanecer no time até fevereiro de 2019, ele automaticamente se transformará em agente livre. Com isso, a chance de ser envolvido em alguma troca antes do começo da próxima temporada aumenta, sem contar o interesse que despertará em torno da NFL depois de seu bom desempenho.
Foles passou por momentos difíceis em sua carreira e chegou a pensar em aposentadoria. Teve problemas de lesão, mas deu a volta por cima com apoio de sua família. Coincidentemente, reencontrou o prazer de jogar justamente onde tudo começou, pois foi escolhido no Draft de 2009 pelo mesmo Philadelphia Eagles, acabou deixando a equipe e retornando no início da temporada atual para conquistar o maior título da carreira.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Tags: ,

Gazeta News
Gazeta News
153