DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Mulher mata guarda e liberta marido em saída de tribunal dos EUA

Uma mulher abriu fogo contra três guardas que escoltavam seu marido na saída de um tribunal do Tennessee na terça-feira(08/08/05) informaram autoridades. Ela matou um dos guardas e escapou com seu marido em um carro esporte.

Dezenas de testemunhas no tribunal do condado de Roane correram em busca de abrigo quando Jennifer Hyatte, de 31 anos, a mulher do condenado George Hyatte, de 34, se levantou e deu pelo menos seis tiros, três dos quais atingiram e mataram o guarda Wayne “Cotton” Morgan.

Morgan era um dos três guardas que escoltavam o marido de Jennifer para uma van da prisão no estacionamento do tribunal, após ele ser acusado de roubo, informou o chefe da polícia de Kingston, Jim Washam.

Hyatte entrou no carro dirigido por sua mulher e o veículo arrancou enquanto um guarda revidava os tiros. O carro foi encontrado mais tarde com três buracos de bala e sangue no assento do motorista.

Jennifer Hyatte foi enfermeira no Departamento de Correções de Tennessee, mas foi demitida após se envolver com seu atual marido, de acordo com um porta-voz do Departamento.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
170