DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Monge acusado de abuso infantil toma veneno em tribunal e morre

O primeiro monge budista a ser condenado no Sri Lanka por acusações de abuso infantil tomou veneno minutos depois de ouvir a sua sentença no tribunal. Ele morreu nesta terça-feira no Hospital Nacional de Colombo, onde havia sido internado.

De acordo com os médicos, o monge tomou uma grande quantidade de inseticida.

O religioso budista foi condenado por graves abusos sexuais que teria praticado contra uma garota de 16 anos em 2001. Ele iria cumprir a pena máxima de 20 anos de prisão, após decisão da Suprema Corte.

Mas logo depois da sentença, o monge bebeu um líquido de uma pequena garrafa que trazia escondida em sua roupa e desmaiou. Foi levado ao hospital e permaneceu em condição crítica de saúde, até sua morte.

Casos de abuso infantil contra monges budistas têm crescido nos últimos anos. Essa foi a primeira condenação de um religioso acusado.

Cerca de 70% dos 19 milhões de cingaleses são budistas.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
274