DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

McDonald´s retira polêmico anúncio de TV na China

A rede de lanchonetes McDonald´s se viu obrigada a retirar um anúncio dos canais de TV chineses pelos grandes protestos do público, que o considerou um insulto ao povo do país, informou nesta quinta-feira a imprensa nacional.

O anúncio, de 30 segundos, mostra um chinês de meia idade que acaba pedindo de joelhos que lhe façam um desconto numa loja da rede. Depois disso, uma voz anuncia que o McDonald´s compreende que “a população está triste quando perde uma boa oportunidade”, e que, por isso, a lanchonete oferece descontos nos 365 dias do ano, explicou a imprensa.

A imagem do homem ajoelhado, que dura apenas cinco segundos, provocou uma grande rejeição entre os consumidores do país, já que para a cultura chinesa trata-se de uma postura muito humilhante.

Insulto
“É um insulto para os consumidores, nos sentimos como se o McDonald´s desse uma esmola com seus descontos, como quem faz caridade com os mendigos”, disse um cliente da lanchonete ao jornal Xangai Daily.

Após os primeiros protestos, o McDonald´s divulgou um comunicado afirmando que o anúncio é apenas “uma das técnicas atrativas e humorísticas para oferecer comida deliciosa durante todo o ano”.

“Colocar-se de joelhos é considerado uma humilhação e algo indigno para a maioria dos chineses, portanto, com o anúncio, o povo vai se perguntar se há algo desonroso na relação entre a empresa e os clientes”, disse um especialista em comunicação, Jiang Zhibin.

Nike teve problemas
Não é a primeira vez que uma multinacional esbarra com a particular cultura chinesa na hora de fazer publicidade no maior mercado do mundo.

Em dezembro de 2004, a Nike teve de retirar um anúncio que também não agradou ao público oriental, no qual o jogador de basquete Lebron James enfrenta e vence cinco adversários: um mestre de kung fu, duas belas lutadoras com trajes tradicionais chineses e um par de dragões, símbolo da cultura do país.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
223