DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Mau tempo no Sul provoca morte e desaparecimento em Santa Catarina

Uma pessoa morreu e outra está desaparecida em Santa Catarina devido ao mau tempo que antecedeu a formação de um ciclone extratropical na Região Sul. O estado continua em alerta para a chegada do fenômeno, que pode ter ventos de até cem quilômetros por hora e ondas de cinco metros. Desde terça-feira a chuva não pára e vários rios estão acima do nível.

Ontem, foi encontrado em Laguna (SC) o corpo do pescador Gérson do Nascimento, de 30 anos. Ele estava desaparecido desde terça-feira, quando saiu sozinho numa canoa na lagoa Mirim e foi surpreendido pelo tempo ruim.

Em Lages (SC), o aposentado João Henrique do Amaral, de 62 anos, foi arrastado pela correnteza do Rio Ponte Grande e está desaparecido desde anteontem. Segundo testemunhas, ele teria se desequilibrado ao atravessar uma ponte.

A Defesa Civil retirou 160 pessoas que estavam em áreas de risco em Araranguá, no sul do estado, onde o rio que dá nome à cidade está 2,4 metros acima do nível normal. Elas foram levadas para um ginásio. Há desabrigados também em Rio do Sul e Gravatal, onde cinco bairros estão isolados.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
152