DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Mato Grosso decreta luto oficial pela morte de Dante de Oliveira.

O Governo do Estado de Mato Grosso decretou luto oficial de três dias pela morte do ex-governador Dante Martins de Oliveira, em Cuiabá. O ex-governador, de 54 anos, morreu na noite de ontem (6), com infecção generalizada por causa de complicações pulmonares e diabetes.

No dia 2 de março de 1983, eleito deputado federal meses antes pelo Movimento Democrático Brasileiro (MDB) de Mato Grosso, Dante de Oliveira marcou definitivamente sua participação na história do Parlamento e do país: apresentou ao Congresso Nacional a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) n° 5.

Após quase duas décadas de abstinência democrática imposta pela ditadura militar, a emenda propunha eleição direta para a Presidência da República. Apesar de rejeitada na Câmara dos Deputados, na madrugada do dia 26 de abril de 1984, dava início à maior mobilização popular já vista no Brasil.

Com 32 anos de idade na época, Dante de Oliveira se aliou ao grupo liderado pelo deputado Ulysses Guimarães (MDB-SP), o “Senhor Diretas”, que incluía ainda o senador Teotônio Vilela, o “Menestrel das Alagoas”, o então líder metalúrgico Luiz Inácio Lula da Silva e o sociólogo Fernando Henrique Cardoso, entre outros que sonhavam com o ideal de um presidente eleito pelo povo.

Agência Brasil

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
222