DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Limitando as contribuições de 401(k) em US$ 2.400 por ano: Rumor ou fato?

As propostas que circulam em Washington para cobrir o montante que os americanos podem contribuir, antes dos impostos retidos, para planos de 401(k) e contas de aposentadoria individuais, estão deixando os profissionais da indústria de aposentadoria inquietos e preocupados.

Os republicanos estão buscando maneiras de gerar receita para suportar amplas reduções nas taxas de imposto individuais. Uma das ideias é limitar a quantidade de dinheiro pré-imposto que uma família pode poupar para a aposentadoria. Tal movimento provavelmente geraria uma explosão política significativa, mas não foi explicitamente descartado, despertando preocupação entre os lobistas da indústria.

Os membros do Comitê de Formas e Meios da Câmara (Ways and Means Committee) são amplamente esperados para liberar uma versão da lei de impostos até meados de novembro, mas os detalhes em uma gama de questões ainda não estão claros. Emily Schillinger, uma porta-voz do Ways and Means Committee, recusou-se a comentar.

Os lobistas e outros na indústria de aposentadoria e serviços financeiros que falaram com funcionários do congresso e membros do comitê dizem que os legisladores estão buscando propostas que permitiriam que os participantes de 401 (k) contribuam significativamente menos do que o permitido atualmente. Um montante frequentemente mencionado é de US $ 2.400 por ano. Não está claro se isso só se aplica a 401(k)s, ou IRAs, ou a ambos.

Portanto, até este momento, tudo não passa de especulação; nada foi confirmado realmente pelo governo.
Esta é uma das principais razões que me encanta cada vez mais quando falamos em aposentadoria, o plano indexado, pois este não está à mercê das mudanças governamentais.

Não existe um máximo e você pode adquirir planos indexados acoplados a seu seguro de vida, criando o que eu, carinhosamente, chamo de 3 em 1! Você paga 1 produto e obtém 3 vantagens: seguro de vida, benefício em vida e aposentadoria. Produtos assim protegem a sua família se você vier a morrer, protegem você no caso de acontecer uma doença grave- como derrame, ataque cardíaco ou câncer-, mas, no final, se nada disso acontecer (que é o que esperamos) você terá construído uma aposentadoria para o seu futuro.

Quanto mais cedo se começa, melhor, mas nunca é tarde, mesmo que você já esteja nos seus 50. A chave é consistência e disciplina.
Se você deseja mais informações sobre este assunto, entre em contato ou venha assistir uma de nossa palestras financeiras.
Um ótima semana para você!

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]

Tags: ,,,,

Claudia Fehribach
Claudia Fehribach
Carioca, formada em Artes pela Universidade do Rio de Janeiro. Conselheira financeira especialista em orçamento, aconselhamento de crédito pessoal e hipotecas reversas. Atua na empresa DebtHelper.com. Envie sua dúvida por email.
240