DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Latinos dizem que audiências de imigração paralisam o processo de imigração.

Milwaukkee – Dirigentes latinos disseram nesta sexta-feira (30) que as audiências nacionais sobre uma lei de imigração não passam de uma tática que visa o atraso do avanço de uma reforma ao sistema de imigração do país.

As pessoas que discursaram na convenção anual da Liga de Cidadãos Latino-amerianos, disseram que os republicanos estão empenhados no tema apenas para obter votos nas próximas eleições.

Uma série de audiências sobre as iniciativas da reforma só atrasaria a aprovação da reforma de imigração, indicou John Tresvina, presidente do Fundo de Defesa Legal e Educação dos Mexicano-estadunidenses.

“É basicamente uma tática eleitoral”, avaliou Tresvina no foro de imigração realizado nesta sexta-feira durante a convenção ocorrida em Milwaukee. “É uma maneira de chamar a atenção de suas bases”.

Os latino-americanos não configuram nenhuma ameaça ao governo e deveriam ser considerados por suas contribuições econômicas, disse Dolores Huerta, que junto com César Chávez fundou o sindicato United Farm Workers of América.

Os republicanos não permitirão que se faça este avanço se continuarem efetuando audiências e utilizando a i migração como meio para ganhar votos, disse a dirigente.

“Temos que dizer a essa gente qual é a realidade. Isto não passa de uma distração”, avalia Huerta.

Os dirigentes republicanos da Câmara de Representantes fixaram as audiências, que continuarão na próxima semana, para obter informação em torno de uma medida aprovada no Senado que oferecia o status legal a milhões de imigrantes ilegais.

Os conferencistas advertiram que a medida está longe de ser perfeita, mas já é melhor do que a apresentada pelo representante Jim Sensebrenner, na qual trata as pessoas que vivem ilegalmente no país como delinqüentes.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
222