DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Internado, Maradona sofre agora de ‘abstinência ao álcool’

O ex-jogador Diego Armando Maradona, de 46 anos, sofre de “abstnência ao álcool”, mas vem “reagindo bem” ao tratamento.
As informações foram dadas, nesta sexta-feira, pelo diretor médico da clínica Güemes, Héctor Pezzella. Segundo ele, Maradona continua à base de sedativos, para a “desintoxicação”, e seu coração e fígado são acompanhados permanentemente.

Nesta sexta-feira, pela primeira vez, desde que foi internado ele comeu durante o café da manhã. Até então, Maradona estava sendo alimentado à base de soro.

“O mais importante agora é passar o período do álcool excessivo”, disse diante das câmeras de televisão.

Pezzella reiterou que o ex-craque deverá ficar mais cinco ou seis dias na etapa de “desintoxicação”. O médico afirmou ainda que os resultados dos exames melhoraram desde que ele foi internado.

‘Outras dependências’

Nos primeiros dois boletins médicos do dia, informou-se que o estado de saúde do ex-craque da seleção argentina de futebol, hospitalizado desde quarta-feira à noite, é “estável” e “evolui bem”.

Pezzella contou que quando acordou, Maradona quis saber por que está internado.

“Ele entrou aqui num estado inconsciente. Mas não tem resistido aos cuidados médicos”, disse.

O especialista reconheceu que o tratamento é mais “complicado” porque Maradona já sofreu outras dependências químicas, mas descartou que ele sofra, por exemplo, de cirrose.

No dia anterior, seu médico particular, Alfredo Cahe, havia dito que o ex-jogador trocou o vício da cocaína pelas bebidas alcoólicas.

O médico disse ainda que é cedo para saber se o ex-jogador terá que fazer tratamento contra o consumo de álcool.

Num tom dramático, ele explicou que as idas e vindas na saúde do ex-craque ocorrem porque ele “não tem paz”.

Por onde passa, Maradona provoca tumultos de jornalistas e dos fãs. Por isso, como admitiu, foi difícil encontrar clínica que o aceitara como paciente.

Na clínica Güemes, Maradona, que dorme a maior parte do tempo, está acompanhado pelas duas filhas, Dalma e Gianinna, médicos, um enfermeiro psiquiátrico e uma amiga.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
152