DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Insurgentes anunciam ‘julgamento’ de reféns no Iraque

Dois funcionários da embaixada do Marrocos no Iraque seqüestrados por insurgentes vão ser “julgados por uma corte islâmica”, segundo anúncio publicado na internet aparentemente pela Al Qaeda.
O comunicado, cuja autenticidade não pôde ser comprovada, foi publicado em um site islâmico normalmente usado por insurgentes no Iraque.

O comunicado afirma que os dois homens já foram interrogados, mas não apresenta detalhes sobre o tribunal islâmico ou sobre as acusações contra eles.

A mensagem mostra fotos dos passaportes e carteiras de identidade dos reféns e afirma que “após terminada a investigação sobre os funcionários da embaixada marroquina, eles foram encaminhados para as autoridades judiciais, que vão decidir seu caso”.

As autoridades marroquinas disseram que os dois homens, Abderrahim Boualam e Abdelkarim El Mouhafidi, desapareceram no mês passado quando viajavam de carro de Amã, na Jordânia, para Bagdá.

Mais cedo, este ano, dois diplomatas argelinos baseados em Bagdá foram seqüestrados e mortos por insurgentes.

Um diplomata egípcio também foi seqüestrado e, provavelmente morto. O corpo dele ainda não foi encontrado.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
152