DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Igreja combate vício em pornografia com panquecas

No Estado do Illinois, EUA, mais exatamente na cidade de Morton, uma organização religiosa está utilizando um método pouco ortodoxo para tratar o chamado ´vício em pornografia.´

Em reuniões, durante cafés da manhã em que se servem panquecas, a Igreja Cristã da Nova Vida permite aos presentes falar sobre o vício em conteúdo adulto.

A idéia é criação de Craig Gross, fundador de um ministério cristão online, a XXXChurch.com. Segundo Gross, a idéia do encontro é que as pessoas possam falar abertamente sobre problemas com pornografia, problema que, segundo Gross, “está aumentando entre as comunidades cristãs.”

Os presentes nestas reuniões também ouvem palestras motivadoras, que incluem até um ex-produtor de filmes pornográficos que fala com os homens sobre como a pornografia afeta negativamente suas vidas, incluindo relacionamentos familiares e com Deus.

Gross afirma que o problema é cada vez mais sério, citando uma pesquisa feita em seu site na internet e que concluiu que 70% dos cristãos admitem que ´lutam´ com a pornografia em sua vida diária. Segundo Gross, 76% dos pastores que entrevistou também relatam ter problemas.

Ele alerta, no entanto, que não é surpresa que isso se tenha tornado um problema, dado a facilidade em acessar esse tipo de conteúdo atualmente. A indústria do conteúdo adulto movimenta cerca de US$ 12 bilhões/ano, com uma média de 28 mil usuários acessando algum tipo de material adulto na internet a cada segundo entre os mais de 4 milhões de sites pornográficos existentes.

Além das reuniões de aconselhamento, a organização de Ross também aborda pessoas da indústria pornô, distribuindo bíblias para fãs de pornográfica e discutindo o tema em debates de universidades com personalidades da indústria, como o ator pornô Ron Jeremy, sobre os efeitos da pornografia.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
153