DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Hong Kong registra terceira contaminação por bactéria de porco

Um açougueiro da rede de supermercados Wellcome, uma das mais importantes de Hong Kong, foi hospitalizado na terça-feira após se contaminar com a bactéria Streptococcus suis, que é transmitida por porcos, informou nesta quarta-feira o governo da ex-colônia.

Esse é o terceiro caso de contágio da doença, que matou 39 pessoas na província chinesa de Sichuan (sudoeste) no último mês. O açougueiro, de 44 anos, foi internado no hospital de Tuen Mun após ter sintomas da doença, como febre e dores nos dedos da mão, segundo o jornal “The Standard”.

Apesar de não ter viajado à China recentemente, o homem cortou o dedo com a faca no trabalho, por onde poderia ter entrado a bactéria. As vendas de carne de porco foram suspensas no estabelecimento.

As importações de porco da rede de supermercados são procedentes de várias províncias chinesas, inclusive a de Henan (centro), cujas importações foram proibidas há dois dias pelo departamento de Saúde.

Os especialistas deste departamento estão investigando a origem da carne que originou o contágio, para evitar que a doença se propague na ex-colônia.

O governo de Hong Kong também tinha proibido todas as importações de carne de porco congelada da cidade fronteiriça de Shenzhen diante da ameaça de contágio. Sem dar explicações, o governo de Shenzhen, perto de Hong Kong, começou a apreender carne de porco congelada de forma maciça de supermercados e residências.

A imprensa chinesa informou nos últimos dias de duas novas mortes por causa da doença na província de Jiangsu.

Hong Kong importou 200 mil toneladas de carne de porco congelada em 2004, a maioria das quais procedia de Brasil, China e Tailândia.

Até agora foram registrados 215 casos na China, 39 mortes e, embora as autoridades afirmem que a epidemia está controlada, a OMS (Organização Mundial da Saúde) recomendou nesta quarta-feira mais testes para esclarecer o motivo do contágio.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
152