DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Governador da Califórnia mantém tradição e impede deportação de imigrantes no Natal

Governador Jerry Brown. Foto: Governo Califórnia.

O governador da Califórnia, Jerry Brown, manteve a tradição do feriado de Natal e concedeu perdão a dois imigrantes que estavam para ser deportados a qualquer momento. Ao todo foram dados 132 perdões de Natal no último sábado, 23, a cidadãos e residentes da Califórnia com histórico criminal, mas que já teriam cumprido a pena.

A lista inclui Mony Neth e Rottanak Kong, dois imigrantes do Camboja que seriam deportados. Ao conceder os indultos, o governador deu ainda mais força à guerra já travada contra a repressão do governo Trump sobre os imigrantes indocumentados.

Ambos chegaram quando crianças nos Estados Unidos, fugindo do regime autoritário do Camboja e de um cruel genocídio. Kong foi condenado em 2003 por dirigir um carro roubado e fugir de um agente, enquanto Neth foi condenado em 1995 por participar de uma quadrilha de rua e possuir uma arma.

Mesmo com o perdão, os dois cambojanos continuam na mira das autoridades de imigração, mas terão nova chance de se defenderem diante da justiça para permanecerem definitivamente no país.

“Um perdão governamental pode ser concedido a indivíduos que demonstraram um comportamento exemplar e viveram vidas produtivas e cumpridores da lei após a sua convicção”, de acordo com um comunicado de imprensa do gabinete do governador da Califórnia.

Brown concedeu um total de 132 perdões a criminosos condenados e 19 comutações para os presos, segundo informou o jornal The Sacramento Bee.

Os indultos do governador Brown são outro sinal para a administração do Trump que o estado está firmemente contra a repressão a imigrantes. Em outubro, Brown e a legislatura da Califórnia desafiaram a lei de imigração federal, tornando a Califórnia um “estado santuário”.

A California Values Act, aprovada em outubro, protege os agentes da lei estatal de deter pessoas com base em seu status de imigrante, a menos que tenham sido condenados por delitos leves ou graves.

A imigração e as autoridades aduaneiras dos Estados Unidos relataram aumento no número de “remoções internas” de imigrantes indocumentados desde que o presidente Donald Trump assumiu o cargo em janeiro. De acordo com um relatório de dezembro do ICE, as deportações aumentaram para cerca de 81,603 apreensões, um aumento de 25% em 2017, embora as prisões nas fronteiras tenham diminuído.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]

Tags: ,,,

Gazeta News
Gazeta News
226