DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

EUA libertam 500 prisioneiros de Abu Ghraib por fim do Ramadã

Cerca de 500 prisioneiros de Abu Ghraib localizada no oeste da capital iraquiana, Bagdá, e administrada pelo Exército dos Estados Unidos– foram libertados nesta terça-feira devido às festas que celebram o fim do Ramadã [mês sagrado dos muçulmanos, época em que comer, beber e manter relações sexuais são atividades proibidas entre a alvorada e anoitecer, que acontece no nono mês do calendário islâmico].

O comunicado do Exército diz que a libertação dos presos foi decidida junto ao governo iraquiano.

“Os prisioneiros libertados foram selecionados depois de um atento exame em suas fichas para garantir que não são culpados de crimes violentos contra as forças iraquianas ou americanas”, diz o texto do Exército.

Ao menos 10.500 pessoas estão presas nos centros de detenção da Força Multinacional no Iraque, o de Abu Ghraib e o de Camp Bucca, no sul do país, segundo número oficial divulgado pelo governo dos Estados Unidos.

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
153