DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

EUA admitem não ter certeza de ataques sônicos contra diplomatas em Cuba

Embaixada dos EUA em Cuba. Foto: US embassy\Facebook .

Em audiência no Senado nesta terça-feira, 9, depois de quase quatro meses, pela primeira vez o Departamento de Estado Americano admitiu que não tem certeza de que os supostos ataques sofridos por 24 americanos em Cuba foram ataques sônicos, como tinha alegado até o momento.

O fato ainda está sendo investigado, mas as autoridades cubanas negam qualquer culpabilidade ou conhecimento. A crise fez com que o governo Trumpreduzisse o número de funcionários americanosem setembro para o mínimo em sua embaixada na ilha, eexpulsasse um total de 17 funcionários cubanos do território americano.

“Não descarto nada. Não estou dizendo que foi um ataque sônico, mas sabemos que há um elemento acústico associado com eles, que pode ser parte de outro estilo de ataque”, afirmou nesta terça o diretor adjunto de segurança diplomática do Departamento de Estado, Todd Brown, em uma audiência no Senado sobre o tema.

Durante a audiência, vários senadores questionaram sobre um relatório preliminar do FBI, que vazou recentemente para a imprensa, no qual consta que a investigação em Havana não encontrou provas de que ondas sônicas foram responsáveis por causar os danos de saúde sofridos por esse grupo de funcionários diplomáticos e seus familiares.

O senador republicano pela Flórida, Marco Rubio, presidiu a audiência e entendeu que os ataques talvez não fossem sônicos, mas insistiu que não há dúvida de que os mesmos ocorreram e que o governo cubano foi responsável, ou tinha conhecimento a respeito.

Para Rubio, o fato de que 24 americanos (funcionários da embaixada e seus familiares) terem apresentado sintomas similares aos vistos em lesões cerebrais leves e nas contusões cerebrais durante seu período em Havana é mais do que prova de um ataque ocorrido.

Entretanto, após mais de um ano do primeiro ataque registrado, os Estados Unidos não sabem quem está por trás dos mesmos, nem têm certeza sobre sua natureza.

Com informações da Reuters.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]

Tags: ,,,

Gazeta News
Gazeta News
226