DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Empresas são acusadas de golpe pós-Katrina

Cinco seguradoras americanas estão sendo acusadas de tentar enganar sobreviventes do furacão Katrina para não pagar milhões de dólares em indenizações.
A acusação foi feita pelo procurador-geral de Mississippi, Jim Hood, que abriu processo contra as seguradoras.

“Eu quero que as empresas de seguro paguem o que realmente devem ao povo de Mississippi”, disse ele.

Segundo ele, representantes dessas empresas tinham pedido para as pessoas assinar formulários dizendo que tinham sofrido danos por inundação, o que não é coberto pelo seguro. Para o procurador, esses representantes são “inescrupulosos”.

As cinco seguradoras refutam as acusações.

Cheques

Hood está processando a Nationwide Mutual Insurance, Mississippi Farm Bureau Insurance, State Farm Fire and Casualty, Allstate Property and Casualty e United Services Automobile Association.

Segundo o procurador, as seguradoras estão exigindo que os segurados assinem os formulários para que possam receber um cheque inicial destinado a cobrir despesas de sobrevivência diária.

“As alegações feitas pelo procurador-geral de Mississippi são infundadas”, disse a Nationwide Mutual Insurance.

“Nossa empresa de forma alguma está pedindo aos segurados que admitam que os danos são ligados à inundação.”

Baixe nosso app:

Comments

comments

Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
164