DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

Editora antecipa e livro polêmico sobre Trump é lançado

Capa do Fire and Fury: Inside the Trump White House. Imagem: Amazon.

Em meio a ameaças pelo governo, o lançamento de “Fire and Fury: Inside the Trump White House” (Fúria e Fogo: A Administração Trump), o lançamento do livro do jornalista Michael Wolff que aborda o mandato de Donald Trump no primeiro ano aconteceu nesta sexta-feira, 5, e já está à venda pela Amazon por $20, 98.

A obra promete provocar um “furacão de magnitude 5” em Washington, segundo as palavras pelo próprio Wolff.

Pelo Twitter, Trump escreveu que o livro de Wolff, cuja publicação tentou impedir judicialmente, está “cheio de mentiras, distorções e fontes que não existem”. O autor, por sua vez, escreveu que Trump “Não só está me ajudando a vender livros, mas está me ajudando a divulga-lo”.

A editora Henry Holt and Co., do grupo McMillan, decidiu antecipar o lançamento para hoje após ser notificada pelos advogados de Trump. Eles exigiram a suspensão prévia da publicação, atitude que fere o espírito da Primeira Emenda da Constituição americana, que garante plena liberdade de expressão.

Entretanto, o contéudo da obra pode ser mais poderoso que as nevascas que têm devastado o país, apontam os principais jornais americanos.

O livro já está disponível na Amazon, mas deve chegar às livrarias somente no dia 9 de janeiro. O autor diz ter analisado mais de 200 entrevistas para poder contar a história sobre o primeiro ano de mandato do presidente dos Estados Unidos, que promete muita controvérsia. Até o título do livro é mordaz, a expressão “Fury and Fire” alude ao que Trump afirmou ter à disposição para “derrotar” o Chefe de Estado da Coreia do Norte, Kim Jong-un

Dentre as questões que podem gerar polêmica no livro está o caso da suposta intervenção da Rússia na campanha eleitoral de 2016. Steve Bannon, o ex-chefe de campanha e ex-estrategista de Trump, insinua no livro que Donald Trump Jr., filho de Trump, foi “traiçoeiro” e “impatriótico” por ter recebido, sem alertar o FBI, uma advogada russa que lhe prometera material comprometedor sobre Hillary Clinton. Bannon é acusado por Trump no livro de ter perdido “a cabeça” e não apenas o emprego na Casa Branca.

Wolff cita também queTrump teria ficado atordoado com sua vitória e que sua filha Ivanka planeja ser candidata à Presidência.

Com informações de Agências internacionais.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]

Tags: ,,

Gazeta News
Gazeta News
243