DESDE 1994 SERVINDO À COMUNIDADE BRASILEIRA NOS ESTADOS UNIDOS.

Breaking news

De algemas no pescoço Luma arrebentou no asfalto

A modelo Luma de Oliveira, de volta à agremiação na qual estreou, 18 anos atrás foi a grande sensação da Caprichosos de Pilares e do próprio desfile da terça-feira na Marquês de Sappucaí. Cum míni par de algemas douradas no pescoço, homenagem assumida a seu novo amor, que seria um policial, Luma foi “devorada” pelos fotógrafos e cercada de mimos pelos ritimistas de sua escola.

Apesar da irreverência e da exuberância da comissão de frente da Caprichosos de Pilares, formada por 14 bailarinos vestidos como porta-bandeiras e uma bailarina fazendo as vezes de mestre-sala, representando as 14 escolas do Grupo Especial, o que mais chamou atenção na entrada da agremiação na Sapucaí foi mesmo a rainha da bateria. Vestida com um minúsculo biquíni cravejado de pedras cor-de-rosa, Luma contou, pouco antes do início do desfile, que estava muito feliz por voltar à Caprichosos. “Aqui foi onde tudo começou.

A vida é assim, dá muitas voltas”, filosofou, explicando a escolha de sua fantasia: “O rosa é uma cor bem feminina. É uma homenagem às mulheres que fazem o carnaval carioca, de todas as classes sociais”.
Luma mais uma vez mostrou porque é insubstituível: atraiu os olhares de todos os setores. E, novamente, foi alvo de protestos: dez fotógrafos, vestidos com uma camisa com a frase “imprensa livre, violência não”, recusaram-se a retratá-la.

Com 3.800 integrantes, mais da metade deles da comunidade, a Caprichosos desfilou o enredo “Carnaval, doce ilusão. A gente se encontra aqui, no meio da multidão. 20 anos de Liga (das escolas de samba do Rio)”, que rememora momentos marcantes do carnaval do Rio ao destacar as duas décadas da Liesa. Entre eles, o inesquecível enredo da Beija-Flor, de 1989, simbolizado numa ala formada por mendigos, como a que Joãosinho Trinta idealizou. O segundo carro da escola, que teve como destaque a cantora Elza Soares e seu namorado, representava o viaduto que fica ao lado do Sambódromo, lotado durante o desfile por populares. Noutra alegoria, mulheres de seios de fora lembravam carnavais mais ousados.

A presença do titular da Delegacia Anti-Sequestro (DAS) do Rio, Fernando Morais, ao lado de Luma de Oliveira, durante a concentração, levantou a suspeita de que ele possa ser seu namorado. Morais teria acompanhado a modelo durante um dos ensaios na quadra da escola, em Pilares. Luma não revelou o nome da pessoa que, há duas semanas, a presenteou com um míni par de algemas que ela está usando no pescoço. “É um amigo”, disse apenas, contando que, desde então, tem tido muita sorte. “Depois que eu ganhei o presente, aconteram muitas coisas boas na minha vida Sou muito mística, por isso estou usando isso como um patuá”, resumiu.

Baixe nosso app:

Comments

comments

[apss_share]
Gazeta Admininstrator
Gazeta Admininstrator
196